Olhar Direto

Domingo, 16 de janeiro de 2022

Notícias | Política BR

INVESTIGAÇÃO NO STF

Barbudo classifica denúncia de Frota como “peça de ficção” e questiona contradições

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Barbudo classifica denúncia de Frota como “peça de ficção” e questiona contradições
O deputado federal Nelson Barbudo (PSL) classificou como “peça de ficção” a denúncia protocolada pelo colega parlamentar Alexandre Frota (PSDB-SP) no Supremo Tribunal Federal (STF). O congressista paulista pediu abertura de investigação contra o mato-grossense, que estaria ajudando a financiar manifestação marcada para o 7 de Setembro, tendo como mote a intervenção no STF, com a saída de todos os ministros. O documento foi protocolado nesta terça-feira (31) e encaminhado para o presidente Luiz Fux.

Leia também:
Em pedido de investigação, Frota acusa Barbudo de organizar e financiar manifestações pró-intervenção do STF

Por meio de nota, Barbudo questionou o fato de Frota ter deixado de apoiar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Destacou que, ao contrario do paulista, por todo o seu mandato, continuou manifestando apoio e votando 100% com o presidente.

“Não é preciso procurar muito suas contradições: vídeos feitos pelo ex-ator criticando – para usar uma palavra bonita – os ministros do Supremo Tribunal Federal estão por toda a internet. Diante deste perfil, apenas lamento uma peça de ficção inventada por Alexandre Frota, que precisa se lembrar que atualmente responde como deputado federal e não mais ator de teledramaturgia”, declarou.

Diante deste perfil, apenas lamento uma peça de ficção inventada por Alexandre Frota, que precisa se lembrar que atualmente responde como deputado federal e não mais ator de teledramaturgia

Ainda na nota, Barbudo pontuou que o apoio a Bolsonaro não faz que ele se esqueça de quem o elegeu. “Desde sempre as portas do meu gabinete estão abertas para toda e qualquer liderança, para vereadores, prefeitos, deputados estaduais, deputados federais e senadores. Além de receber amigos mato-grossenses, por vezes recebo demandas de um país inteiro, o que demonstra a força do meu nome e trabalho prestado”.

Neste sentido, provocou Frota, questionando qual trabalho que o deputado fez em prol de seus eleitores.

“Dito isto, questiono quem é Alexandre Frota e qual trabalho fez até hoje em prol de seus eleitores? Aliás, em prol da nossa sociedade? Vale lembrar que o parlamentar apoiava irrestritamente o presidente Jair Bolsonaro. O que mudou, Frota?”, questionou.

Por fim, o mato-grossense ressaltou que está à disposição da Justiça e que continuará defendendo seu mandato e todas as solicitações dos brasileiros por legislações e melhores condições de vida.

Pedido de investigação

Além de Barbudo, a denúncia também traz os nomes do assessor do mato-grossense, Rafael Klas Dal Bo, e Turíbio Torres, Marco Antônio Martins, e o cantor Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão.
De acordo com Frota, Dal Bo vem utilizando meios e materiais públicos da Câmara Federal para fazer divulgação e, mais ainda, a organização da manifestação considerada pelo deputado como antidemocrática. O assessor estaria convocando pessoas a comparecerem armadas nos atos.

“A presente denúncia tem o caráter preventivo, ou seja, busca alertar todas as instituições estabelecidas para que tomem providências no sentido de evitar um confronto maior com as forças de segurança que tem por obrigação defender a Constituição Federal e todas as instituições democráticas que sustentam o Estado Democrático de Direito”, diz trecho da denúncia.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet