Olhar Direto

Quarta-feira, 08 de dezembro de 2021

Notícias | Cidades

Criminoso trocou tiros com policiais

PM atropelada durante perseguição salvou recém-nascido engasgado com leite materno no ano passado; veja vídeos

Foto: Edição / OD

PM atropelada durante perseguição salvou recém-nascido engasgado com leite materno no ano passado; veja vídeos
A soldado atropelada na tarde deste sábado (4) durante perseguição policial na MT-251, em Cuiabá, salvou um bebê recém-nascido engasgado com leite materno no ano passado. Após ser atingida por um carro, Laura Almeida Rissato quebrou o braço, uma costela, teve hemorragia interna e foi trazida de helicóptero até o Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), onde ainda está internada. 

Leia também:
PM sofre fraturas e hemorragia interna após ser atropelada por criminoso em fuga; comparsas pularam do carro com medo

O episódio com o bebê aconteceu em setembro de 2020, na região do CPA. Naquele mês, Laura, acompanhada dos soldados Wagner Fernando da Cruz Farias e José Luís De Paula salvaram o pequeno Bryan Felipe, que tinha apenas dez dias de vida e estava sem respirar.

Em um ato de heroísmo, o trio conseguiu fazer o menor voltar a recobrar os sentidos. Um vídeo gravado na época mostrou o resgate, onde Laura chega a sugar o nariz do recém-nascido pelo menos quatro vezes até ele voltar a respirar. Desesperada, a mãe do menor chora, até que é tranquilizada pela policial.

Assista o vídeo (38s):



A perseguição

De acordo com a Polícia Militar, os agentes da corporação realizavam bloqueio neste sábado no km 15 da rodovia MT-251, quando determinou a parada do veículo, modelo Celta, de cor preta. O motorista, por sua vez, acelerou em direção ao policial que estava na pista realizando a sinalização. 

Nesse momento, então, os militares embarcaram em uma viatura e deram início a perseguição policial. Mais adiante, uma passageira passou a acenar com a mão de dentro do carro, comportamento que foi interpretado como um pedido de socorro pelos policiais. Com isso, os agentes decidiram pedir o apoio de mais viaturas. 

Na altura do km 4 da rodovia, a suspeita que havia acenado, identificada como Bruna, acabou pulando do veículo, também em movimento. Ela foi presa pela equipe policial em seguida. Algum tempo depois, no km 3, outro ocupante do carro, identificado como Bruno, também pulou do automóvel e foi preso. 

Colisão com a soldado

Já nas proximidades do km 2, um bloqueio havia sido formado pelo agrupamento de moto da Polícia Militar. O celta, então, chegou em alta velocidade e colidiu contra a motocicleta de Laura, que atuava na ação. Ela perdeu a direção e caiu no chão, se chocando também contra um poste. 

A sargento Laura foi socorrida por um helicóptero da Polícia Militar e encaminhada até o Hospital Municipal de Cuiabá. Ela quebrou o braço, uma costela e teve hemorragia interna. Neste momento, ela está internada e aguarda para fazer uma cirurgia.



O homem, por sua vez, continuou a fuga e, mais adiante, atingiu outra motocicleta, uma Honda Biz, de cor branca, e também derrubou o condutor no chão. Na rotatória da Procuradoria Geral do Estado de Mato Grosso (PGE-MT), na altura da trincheira da MT-01, o fugitivo acabou colidindo contra um poste. Ele, então, decidiu desembarcar. Armado, ele apontou na direção dos policiais militares que se aproximaram. 

Para se defenderem, os policiais efetuaram disparos contra o suspeito, que ainda conseguiu fugir para dentro de uma região de mata. Os agentes da corporação fizeram buscas no matagal, porém, o homem não foi localizado. O homem chegou a ser visto dentro do mato, trocou tiros com os policiais, mas ainda assim conseguiu fugir.

Dupla presa

Diante dos fatos, Bruna e Bruno foram presos e encaminhados até a Central de Flagrantes. Sob posse da dupla, foi encontrada uma porção de substância análoga a maconha, ambos suspeitos apresentavam diversos ferimentos no corpo, devido a terem pulado do carro em movimento.

O condutor do veículo, foi identificado apenas como Carlos. Ele fazia o uso de tornozeleira eletrônica, apesar disso, não foi possível encontrar a sua localização, porque o equipamento consta como desligado. 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet