Olhar Direto

Domingo, 05 de dezembro de 2021

Notícias | Cidades

MOTIVO FÚTIL

Vídeo mostra tenente-coronel da PM agredindo filho de ex-secretário do Estado com socos no rosto em edifício de luxo de Cuiabá; veja

Foto: Reprodução

Vídeo mostra tenente-coronel da PM agredindo filho de ex-secretário do Estado com socos no rosto em edifício de luxo de Cuiabá; veja
O tenente-coronel da Polícia Militar Sávio Pellegrini Monteiro, 38 anos, agrediu um adolescente de 17 anos com dois socos no rosto nos corredores de um condomínio de luxo, no bairro Quilombo, em Cuiabá. Olhar Direto teve acesso às imagens do episódio, que ocorreu no último sábado (18). A agressão aconteceu no prédio do avô do adolescente, que é procurador de Justiça do Ministério Público. A vítima é filho do ex-presidente do Mato Grosso Saúde (MT-Saúde) Yuri Alexey Vieira Bastos Jorge, que também foi secretário de Estado. 

Leia também:
Segurança é morto a pedradas em canteiro de obras e tem objetos furtados

De acordo com boletim de ocorrência, o adolescente teria ido recepcionar um colega quando teria passado pelo hall do prédio e esbarrado no militar, que carregava uma cadeira nas costas. Sávio então teria supostamente questionado se ele não teria o visto, e o adolescente respondeu: ‘não’.

Em seguida, as imagens mostram o policial voltando em direção ao adolescente, após deixar a cadeira no chão e atingindo-o com o primeiro soco, empurrando-o para dentro do prédio, em seguida. Depois, com os menores já do lado de fora, o PM retorna e desfere mais um soco contra a vítima.
 
Na ocasião, a mãe do colega do garoto, que é procuradora do Estado, tentou intervir na situação e pediu que Sávio fosse embora para seu apartamento.
 
No registro da ocorrência, o militar alegou que o pai do adolescente teria ido até seu apartamento. No entanto, as imagens das câmeras de segurança mostram que ele foi acompanhado da Polícia Militar que havia chegado ao prédio.
 
Ambas as partes foram encaminhadas para a Central de Flagrantes e no local, o pai do adolescente teria, supostamente, dado um soco no rosto do policial.
 
Procurada, a Corregedoria Geral da Polícia Militar informou que tomou ciência sobre o caso e acrescentou que um Termo Circunstanciado de Ocorrência foi confeccionado (TCO). A instituição disse também que já instaurou procedimento legal cabível de apuração.

A reportagem entrou em contato com o Sávio, que ficou de consultar seu advogado. Caso ele se posicione, a matéria será atualizada e o mesmo espaço será dado. 

Veja vídeos da agressão abaixo: 
 

*As imagens foram desfocadas por conter vítima menor de idade. 

Corrigida às 12h50
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet