Olhar Direto

Terça-feira, 26 de outubro de 2021

Notícias | Cidades

Semob apura caso

Estação Alencastro tem superlotação e aglomeração e passageiros se queixam de frota reduzida; veja vídeo

Foto: Reprodução/Internet

Estação Alencastro tem superlotação e aglomeração e passageiros se queixam de frota reduzida; veja vídeo
Imagens registradas por passageiros do transporte público de Cuiabá flagraram aglomerações acima do normal na Estação Alencastro na manhã desta sexta-feira (24). Em certos pontos do terminal, pessoas tiveram que ficar posicionadas do lado de fora da estação, devido a superlotação.   

Leia também:
Projeto que tramita da Câmara Municipal propõe 'passaporte da vacina' em Cuiabá

Conforme vídeo que foi enviado ao Olhar Direto por um internauta, é possível ver um ônibus, que faz a linha 711, com uma grande aglomeração de pessoas. É possível perceber, ainda, que quem está gravando a situação está apenas há alguns centímetros de distância de outros passageiros. 



Passageiros reclamam, ainda, que a linha do 711 teria tido a sua frota reduzida. Em algumas situações nos bairros, conforme informado à reportagem, os moradores têm que se posicionar na frente do ônibus para que eles possam embarcar. Isto porque, às vezes, os motoristas passam direto, por conta da superlotação. 

"Ficamos no ponto desde 5h30, os ônibus  superlotados não param no ponto, acabamos deslocando para outro ponto para tentar pegar e, mesmo assim, não conseguimos. Somente conseguimos fazer o embarque porque paramos em frente do ônibus,  para tentar conseguir embarcar", conta Paula Fabine Rocha Rodrigues, moradora do bairro Jardim Industriáio, região atendida pela linha 711. 

Na Alencastro, em outro vídeo, é possível ver que passageiros se posicionam do lado de fora da estação para poder entrar em um ônibus que havia acabado de chegar. Isto porque não havia espaço no interior do terminal e pelo atraso do transporte. Outro fator que, possivelmente, pode ter contribuído para a situação, é o fato da nova frota de veículos, adquiridos pela Prefeitura de Cuiabá, ter apenas uma porta. 



O que diz a Prefeitura

A reportagem entrou em contato com a Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) da Prefeitura de Cuiabá para questionar o motivo da reclamação e da superlotação experimentada por passageiros na Estação Alencastro nesta manhã. A pasta, porém, disse que está apurando a situação e até a publicação desta matéria não esclareceu o ocorrido. 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet