Olhar Direto

Domingo, 05 de dezembro de 2021

Notícias | Cidades

DHPP

Preso homem que torturou e cortou pescoço de vítima por suposto furto de R$ 90

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Preso homem que torturou e cortou pescoço de vítima por suposto furto de R$ 90
A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cuiabá (DHPP) prendeu, na terça-feira (26), o autor de um homicídio qualificado ocorrido em março deste ano, em Várzea Grande. José Carlos Pereira da Costa, de 26 anos, foi torturado e assassinado por um suposto furto de R$ 90 contra o acusado.

Leia mais:
Suspeito de matar ex-namorada com corte no pescoço é preso pela Polícia Civil
 
O investigado, de 18 anos, foi localizado no bairro 23 de Setembro e tentou fugir ao avistar os policiais civis. Ele pulou muros de residências, mas na fuga acabou encontrando de frente um dos investigadores da DHPP, que o deteve.
 
O homicídio aconteceu no dia 10 de março deste ano e vitimou José Carlos Pereira da Costa, de 26 anos, encontrado aos fundos de uma região de motéis, em via pública, na área central de Várzea Grande.
 
A vítima foi morta de forma cruel e o corpo apresentava sinais de tortura, uma lesão por esgorjamento (corte profundo na parte anterior do pescoço) e lesões causadas por arma cortante e arma de fogo.
 
A investigação da DHPP conduzida pelo delegado Olímpio da Cunha Fernandes Jr. apurou que o crime foi cometido por motivo banal e envolveu uma rixa por causa de um suposto furto de R$ 90,00 da vítima. Os policiais identificaram que o crime foi cometido por duas pessoas, um familiar da vítima e um amigo, uma delas presa nesta terça-feira.
 
Após cometer o crime, o investigado fugiu do bairro em que residia e não foi localizado durante as diligências. A prisão foi representada à 1a Vara Criminal de Várzea Grande, que deferiu o pedido diante dos elementos de autoria atribuídos ao rapaz investigado pelo homicídio.
 
Durante interrogatório na DHPP, ele se manteve em silêncio. O inquérito já foi finalizado e encaminhado à justiça em maio deste ano.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet