Olhar Direto

Terça-feira, 25 de janeiro de 2022

Notícias | Cidades

pedófilos

Funcionários da Casa de Apoio Indígena são presos pela PF por abusar sexualmente de criança de 14 anos

Funcionários da Casa de Apoio Indígena são presos pela PF por abusar sexualmente de criança de 14 anos
Dois funcionários da Casa de Apoio Indígena, da cidade de Barra do Garças (distante 503km de Cuiabá), foram presos neste sábado (04), em operação da Polícia Federal. Eles são acusados de abusar sexualmente de uma pessoa menor de 14 anos, no interior das dependências da unidade federal de saúde (CASAI).

Leia mais:
Motorista que esfaqueou médico no peito e pescoço é detido pela polícia

As investigações tiveram início em razão de publicação de reportagem jornalística amplamente divulgada pelos meios de comunicações de Barra do Garças. O caso chamou atenção da sociedade que fez diversos protestos na cidade. 

O Delegado de Polícia Federal Mário Sérgio Ribeiro de Oliveira, responsável por investigar o caso, disse que após tomar conhecimento dos fatos, instaurou Inquérito Policial, colheu todas as provas necessárias e representou pela prisão temporária dos investigados, que seguem presos no Presídio de Barra do Garças.

Para não atrapalhar o andamento da investigação policial, maiores detalhes não puderam ser fornecidos pela autoridade policial.

O Inquérito Policial segue em sigilo e deve ser concluído no prazo de 30 dias. Se condenados, os investigados poderão ser sentenciados a pena de prisão de até 15 anos.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet