Olhar Direto

Terça-feira, 17 de maio de 2022

Notícias | Cidades

DHPP INVESTIGA

Homem de 35 anos é espancado e morre após dez dias internado em Cuiabá; namorado é principal suspeito

Foto: Reprodução/Rogério Florentino

Homem de 35 anos é espancado e morre após dez dias internado em Cuiabá; namorado é principal suspeito
A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) irá investigar a morte de Any Luiz Reforco Júnior, 35 anos, que estava internado num hospital particular de Cuiabá desde o dia 5, após ter sofrido um espancamento na cidade de Brasnorte, região de Juína, há mais de 570km de Cuiabá. As primeiras informações são de que ele foi agredido pelo namorado. 

Leia mais:
Com taxa de ocupação em UTIs em 84%, MT registra quatro mortes por Covid-19 em 24h

A morte foi confirmada por volta das 4h. A equipe da DHPP foi até a unidade hospitalar fazer a liberação do corpo. O motivo da morte se deu após choque séptico, que é um tipo de infecção que alastra pelo corpo de forma rápida e causa falência múltipla dos órgãos, levando a morte rapidamente. 

Por enquanto, por conta de uma determinação da Diretoria da Polícia Civil, os delegados não podem falar sobre o caso. A reportagem apurou que o namorado de Any Luiz teria cometido as agressões, mas por enquanto ele não está preso. Não há informações se ele já possui data para prestar depoimento.

Any Luiz era natural de Toledo, no Paraná, e não há informações sobre velório e sepultamento. Perícia Oficial e de Identificação Técnica (Politec) registrou o caso e o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet