Olhar Direto

Terça-feira, 17 de maio de 2022

Notícias | Política MT

greve suspensa

A menos de 10 dias de reunião com a Polícia Penal, Mauro alerta: ‘Não pode se atirar no chão igual criança’

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

A menos de 10 dias de reunião com a Polícia Penal, Mauro alerta: ‘Não pode se atirar no chão igual criança’
O governador Mauro Mendes (DEM) voltou a afirmar que não irá negociar com servidor em greve, e disse que não adianta se ‘jogar no chão igual criança’. Está previsto para o próximo dia 3 de fevereiro, quinta-feira, para que Mendes se reúna com representantes da Polícia Penal, categoria que deflagrou greve mas depois suspendeu diante da promessa deste diálogo.

Leia também:
Sem Mauro, governo promete estudos salariais e marca nova reunião com a Polícia Penal para fevereiro

“Quem está conduzindo isso é o secretário Mauro Carvalho, secretário Alexandre Bustamante, o governo tem uma postura, não adianta fazer greve, a gente já falou isso, com muito respeito aos servidores, à polícia penal, ou qualquer um servidor”, disse o governador, que lembrou que profissionais da segurança pública, por lei, não podem fazer greve.

O movimento grevista decidiu suspender as ações em assembleia no dia 3 de janeiro de 2022, com o objetivo de conseguir uma agenda com o governador Mauro Mendes (DEM). A intenção dos policiais penais é que seus salários sejam equiparados aos das outras polícias. Dois dias depois, o Governo decidiu, em reunião sem a presença do governador, que faria um novo estudo para avaliar o que poderia ser dado aos servidores. O resultado deste estudo deve ser apresentado no próximo dia 3.

Mendes, no entanto, é direto ao afirmar que não irá negociar com grevistas. “Não pode se atirar no chão igual criança, faz birra e o pai vai lá e atende. Não é porque fez greve que tem que atender. Podemos dialogar? Podemos dialogar. Podemos conversar? Podemos conversar. Agora, não adianta fazer pressão porque não é na base da pressão que o Governo vai ceder. Já demonstrei isso algumas vezes, a gente procura fazer as coisas corretas, então o diálogo tem que ser feito da forma correta para que alguma coisa possa acontecer”, afirmou.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet