Olhar Direto

Segunda-feira, 08 de agosto de 2022

Notícias | Cidades

VEJA NOMES

Líder de esquema que movimentou R$ 350 milhões adquiriu pelo menos três postos com dinheiro do tráfico de drogas; fotos e vídeos

Foto: Reprodução

Líder de esquema que movimentou R$ 350 milhões adquiriu pelo menos três postos com dinheiro do tráfico de drogas;  fotos e vídeos
Preso na manhã desta segunda-feira (16) no condomínio Alphaville em Cuiabá,  o chefe de um grupo criminoso que movimentou cerca de R$ 350 milhões adquiriu pelo menos três postos de combustíveis em Cuiabá, para lavar o dinheiro do tráfico de drogas. Ele foi identificado como Tiago Gomes de Souza, conhecido como Baleia, de 36 anos. 

Leia também:
PF prende dono de postos de combustíveis que lavava dinheiro do tráfico em estabelecimentos

A investigação da Polícia Federal levantou que são de propriedade do empresário do tráfico os seguintes estabelecimentos: postos Jumbo e Atalaia, ambos localizados na Rodovia Palmiro Paes de Barros; além de outro posto na avenida Miguel Sutil.
 
Durante buscas na casa do chefe da organização criminosa, os agentes da PF encontraram grande quantidade em dinheiro, que ainda está sendo levantada, joias, aparelhos celulares e documentos. 
 

O esquema é investigado na Operação Jumbo, deflagrada com objetivo de cumprir oito mandados de prisão, 29 de busca e apreensão, além do sequestro de bens.

De acordo com a PF, a organização criminosa adquiria a cocaína no município de Porto Esperidião, acondicionava em Mirassol D`Oeste, para, depois, distribuí-la em Cuiabá.

Com apoio da do setor de inteligência da Polícia Militar e do Grupo Especial de Fronteira (Gefron), foi possível interceptar dois carregamentos de drogas, totalizando 210kg de cocaína.

A investigação também apontou que a organização criminosa utilizava postos de combustíveis em Cuiabá para a lavagem de dinheiro decorrente do tráfico de drogas.

As diligências contra o tráfico de drogas continuam, com especial atenção à prisão das lideranças e descapitalização de organizações criminosas.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet
x