Olhar Direto

Sexta-feira, 01 de julho de 2022

Notícias | Cidades

TATUOU HANNIBAL E JASON

Suspeito de matar jovem gay com mais de 30 facadas em Cuiabá é preso em SP

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Suspeito estava foragido desde a noite em que Roger (detalhe) foi esfaqueado até a morte

Suspeito estava foragido desde a noite em que Roger (detalhe) foi esfaqueado até a morte

O suspeito do homicídio de Roger André Soares da Silva, de 29 anos, em 21 de abril, foi preso no interior de São Paulo, na tarde desta quarta-feira (25). Duas tatuagens no corpo dele chamaram atenção do delegado Olímpio da Cunha, responsável pela investigação, uma delas em alusão ao canibal Hannibal Lecter, do filme “Silêncio dos Inocentes”. 

Leia também 

“Sofreu muito antes de morrer”, lamenta mãe de jovem gay morto com mais de 30 facadas; olhos foram arrancados

Corpo de jovem morto com mais de 30 facadas foi encontrado em posição de 'crucificado'; cruzes foram desenhadas com sangue

O outro desenho tatuado pelo suspeito é de Jason, assassino de “Sexta-Feira 13”. Roger foi morto com mais de 30 facadas e o corpo dele foi colocado em posição de crucifixo pelo criminoso. 

De acordo com Olímpio, ele já tinha um mandado de prisão em aberto por envolvimento em um homicídio em Pernambuco. Após cometer o crime, o suspeito entrou em contato com uma mulher trans, que namorou durante um período. 

“Não acreditamos que se trata de crime de ódio, pelo que investigamos ele tinha relacionamentos com homens gays e mulheres trans. Identificamos que ele mandou mensagens para essa antiga convivente que mora em Pernambuco”. 

O delegado não deu detalhes sobre o crime que o suspeito cometeu no Nordeste ou o grau de envolvimento entre ele e Roger. 

O celular da vítima foi entregue para perícia, mas ainda não foi finalizado. Ainda não foi constatado se os dois se conheceram antes ou depois do homicídio. 

Relembre o caso 

Roger era homossexual e foi brutalmente assassinado pelo homem que teria ido encontrar na noite de 21 de abril. No cômodo em que o corpo do jovem foi encontrado em posição de “crucifixo”, o suspeito usou sangue da vítima para desenhar três cruzes na parede. 

A casa onde o corpo de Roger foi encontrado era alugada e pertencia ao avô do suspeito, que estava viajando. Por não conseguir contato com o neto, ele pediu que fossem até a residência checar se estava tudo bem. 

Foi quando encontraram o corpo de Roger no local. Desde então, o criminoso estava sendo monitorado pela Polícia Civil. Ainda não há previsão de transferência para Cuiabá. Ele está preso preventivamente.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet