Olhar Direto

Terça-feira, 28 de junho de 2022

Notícias | Política MT

DE SACO CHEIO

Stopa afirma que foi traído por petistas e anuncia desistência da pré-candidatura ao Paiaguás

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Stopa afirma que foi traído por petistas e anuncia desistência da pré-candidatura ao Paiaguás
Visivelmente contrariado, o vice-prefeito de Cuiabá, José Stopa (PV), afirmou que não pretende mais disputar o Governo de Mato Grosso. Seu nome foi colocado como pré-candidato do partido, que está federado com PT e PCdoB.

Leia também:
Rechaçado por petistas, Stopa alfineta Lúdio e afirma ter sido contra federação: "principalmente com o PT"

A decisão de Stopa foi tomada após membros do PT, fomentados pelo deputado Lúdio Cabral, apresentarem dois nomes como pré-candidatos do partido ao Paiaguás. Além disso, criticaram a possibilidade de a federação ter como cabeça de chapa um nome fora da sigla e que até então demonstrou afinidade com o bolsonarismo. O vice-prefeito encarou o movimento como traíção e resolveu recuar.

"Tem um forum para discutir e eles não vão ao fórum e depois, covardemente, fazem críticas pelas costas. É impossível ser parceiro desse tipo de gente. Oficialmente (deixo minha pré-candidatura). Não vou me candidatar a nada", declarou, nesta quinta-feira (26).

"Já estava de saco cheio, nós fizemos um acordo na federação, de que poderia aparecer 10 a 20 nomes e o melhor deles seria o candidato. Apareceu o meu, da Maria Lúcia (PCdoB), e poderia aparecer dez. O que não pode é companheiro criticar companheiro, ficar nessa mesquinharia. Isso é coisa de moleque", completou.

Mais cedo, quando chegou ao evento de inauguração das obras do Hospítal Veterinário Municipal, o vice-prefeito já demonstrou contrariedade. Disse que todos os partidos da filiação possuem o direito a apresentar pré-candidaturas, mas que não havia espaço para críticas.

Candidatura petista

Em coletiva nesta quarta-feira (25), representantes do PT anunciaram que não vão abrir mão de candidatura própria ao Governo do Estado dentro da federação. A expectativa é que no domingo (29) haja definição entre os nomes dos professores Domingos Sávio e Reginaldo Araújo. O objetivo principal, segundo a legenda, é apresentar uma alternativa ao vice-prefeito de Cuiabá, José Roberto Stopa (PV). 

“Stopa há dois meses atrás dizia que estava incomodado com o fato de o PV estar fazendo uma federação com o Lula. Na nossa leitura, nós temos que tomar muito cuidado de trazer políticos para liderar um projeto que vai se colocar contra o bolsonarismo. Na nossa opinião, Stopa não é um sujeito para fazer um enfrentamento a esse projeto”, sustentou o diretor-geral da Adufmat (UFMT), Reginaldo Araújo. 

Questionado se a defesa para uma candidatura alternativa ao seu nome pode ser considerada traição,  Stopa sustentou que “ninguém consegue entender o PT e não sou eu que vou entende-los. Então é direito deles. Eles têm ali vários segmentos, é direito deles, é o nível deles e eu respeito”.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet