Olhar Direto

Terça-feira, 16 de agosto de 2022

Notícias | Política MT

Investigações

“Qualquer CPI que se instaurar agora estará contaminada politicamente”, declara Neri sobre investigações da Petrobrás e MEC

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

“Qualquer CPI que se instaurar agora estará contaminada politicamente”, declara Neri sobre investigações da Petrobrás e MEC
O deputado federal Neri Geller (PP), pré-candidato ao Senado, afirmou que é contra a realização das Comissões Parlamentares de Inquérito (CPI) da Petrobrás e do Ministério da Educação (MEC) no Senado Federal. Segundo ele, qualquer CPI que for instaurada neste momento será “contaminada politicamente”.

Leia também:
Nenhum senador de MT assina abertura de CPI do MEC; Wellington teme viés político

Na última segunda-feira (20), Neri afirmou ao Olhar Direto que iria se reunir com o ministro Ciro Nogueira e o presidente da Câmara dos Deputados Arthur Lira, ambos de seu partido, antes de emitir opiniões sobre a CPI da Petrobrás. No entanto, também afirmou que preferia trabalhar com a convergência e que “pacificar é melhor do que ficar só na briga”.

A conversa com Lira não aconteceu, mas com Ciro sim. Além disso, o PP fez um encaminhamento para que os membros do partido não votassem a CPI. Na quarta-feira (22), o ex-ministro da educação Milton Ribeiro foi preso, e levantou-se novamente a discussão sobre uma CPI para investigar o MEC.

Neri preferiu não se manifestar sobre a prisão. “Não vou falar sobre isso, acho que isso é uma questão que a Polícia Federal, o Ministério Público tem que apurar, ver se houve... não vou incriminar nem criar polêmica nesse assunto, não quero me manifestar sobre”, limitou-se a dizer.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet
x