Olhar Direto

Terça-feira, 16 de julho de 2024

Notícias | Cidades

corpo carbonizado

Polícia encontra mochila de professor com provas, uniformes e pen drive perto de local onde corpo foi desovado

Foto: Reprodução

Polícia encontra mochila de professor com provas, uniformes e pen drive perto de local onde corpo foi desovado
Agentes do Núcleo de Pessoas Desaparecidas (NPD), da Polícia Civil, localizaram uma mochila do professor Celso Odinir Gomes, 60 anos, próximo ao local onde o corpo do educador foi encontrado, parcialmente carbonizado, na última sexta-feira (10), em uma região de mata, aos fundos do bairro Parque Atalaia, em Cuiabá.


Leia também
Assassinos de professor foram para chácara tomar banho de rio e “festar” com carro da vítima; confira detalhes 
 
A reportagem apurou que a mochila foi localizada a alguns metros de onde o corpo foi desovado, na região que margeia a rodovia Palmiro Paes de Barros. Na mochila havia: provas de matemática, um pen drive, peças de roupas e uniformes do Colégio Salesiano Santo Antônio, unidade onde ele lecionava.
 
A Polícia Civil suspeita que os assassinos tenham vasculhado a mochila da vítima e furtado cartões, dinheiro e possíveis objetos de valor do educador. Esses objetos e o veículo dele, um VW Gol, foram localizados na semana passada, no bairro Jardim Imperial, atrás do Condomínio Reserva Rio Cuiabá.
 
Um casal adulto foi preso e dois adolescentes foram apreendidos na última sexta-feira suspeitos de terem cometido o crime. Por serem menores, os nomes não foram revelados pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
 
Os delegados responsáveis pela investigação do assassinato revelaram que os criminosos, após o crime, utilizaram o carro da vítima para “festar” pela cidade, consumir bebidas alcoólicas em bar e até mesmo tomar banho em um rio de uma chácara.
 
Um adolescente de 17 anos confessou que matou Celso asfixiado após sofrer uma suposta tentativa de aliciamento. Após o crime, um adolescente de 17 anos e outro comparsa utilizaram o carro da vítima para se dirigirem a um posto de combustíveis, onde compraram gasolina e, em seguida, foram atear fogo no corpo da vítima.
 
Na sequência, os criminosos dirigiram até um bar com o carro de Celso, consumiram bebida alcoólica e depois foram dar voltas pelas ruas durante a noite e madrugada de sábado (4).
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

xLuck.bet - Emoção é o nosso jogo!
Sitevip Internet