Olhar Direto

Domingo, 21 de julho de 2024

Notícias | Cidades

gravada por facção

Com 22 passagens por homicídio, morto em confronto com a PM participou em execução de jovem

Foto: reprodução

Guilherme (a esquerda) e Kaua (a direita)

Guilherme (a esquerda) e Kaua (a direita)

Informações apuradas pelo Olhar Direto dão conta que o criminoso Kaua Vinicius Ferreira, de 17 anos, estava envolvido na execução de Guilherme Ferreira Cooper Nunes, de 18 anos, que teve a morte gravada na cidade de Pontes e Lacerda (444 km de Cuiabá). Kaua, que tinha 22 passagens por homicídio, morreu na segunda-feira (11) após confrontar policiais.


Leia também
Polícia Militar mata quatro durante confronto em ocorrência com nove reféns

Corpo de jovem que teve morte gravada por membros de facção criminosa é encontrado


O corpo de Guilherme foi encontrado no dia 5 deste mês, em Pontes e Lacerda. Ele foi morto a tiros e teve a execução gravada pelos criminosos.

O vídeo circulou entre os moradores da cidade, sendo que os familiares de Guilherme reconheceram o corpo do jovem.

Entre os envolvidos no caso estava Kaua Vinicius. Ele morreu na noite de segunda-feira (10), em Tangará da Serra, após render nove pessoas em uma residência.

Foi constatado que Kaua já havia sido autuado 22 vezes pelo crime de homicídio. Ele também respondia por roubo e tráfico de drogas.

Além de Kaua, outros três bandidos morreram no confronto. Tratam-se de Elielton Oliveira dos Santos, de 18 anos, e Luan Marlon Miranda Souza Gomes, de 17 anos. O quarto envolvido não foi identificado.

Segundo as informações, o grupo pretendia cometer alguns assassinatos na região.
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet