Olhar Direto

Terça-feira, 16 de julho de 2024

Notícias | Esportes

'CABEÇA UM BOCADINHO QUENTE'

Cabeça quente e goleada: Petit normaliza confusão generalizada e parabeniza jogadores pelo 5 a 0 contra o Fortaleza

Foto: AssCom Dourado

Cabeça quente e goleada: Petit normaliza confusão generalizada e parabeniza jogadores pelo 5 a 0 contra o Fortaleza
Após a maior goleada da história do Cuiabá na elite do Brasileirão, 5 a 0 em cima do Fortaleza, o técnico Petit, responsável pela virada de chave na equipe, parabenizou a personalidade dos jogadores em controlar o duelo e jogar um bom futebol, abafando totalmente as possibilidades adversárias. O mister também comentou sobre a confusão generalizada que se instalou no final do primeiro tempo, resultando em três expulsões, inclusive a dele, dizendo que é normal o clima esquentar quando se está perdendo de 3 a 0 e recebe cartões vermelhos.


Leia mais
Primeiro tempo avassalador, confusão generalizada e três expulsos


Com primeiro tempo frenético, Cuiabá supera o Fortaleza na maior goleada da sua história e sai do rebaixamento

“Em primeiro lugar, dar os parabéns aos nossos jogadores. Acho que fizemos uma entrada muito forte, onde fizemos três gols, onde tivemos mais duas do Cafu, uma do Pita, que poderíamos ter ampliado o resultado. A equipe é bem, com uma personalidade, a jogar um bom futebol, a não deixar criar situações de perigo por parte do Fortaleza”, disse Petit.

O Dourado, que estava se complicando na degola, conseguiu sair do Z-4 com o resultado da goleada. Nos primeiros 45 minutos, o time de Petit já havia carimbado a larga vantagem, fazendo quatro gols, sendo um deles após a confusão que se instalou após Kayzer derrubar o treinador auriverde no momento de buscar uma bola para cobrar lateral.

O comandante comentou que a larga vantagem fez o clima do jogo esquentar, e tratou com normalidade a reação violenta dos atletas do Leão, sobretudo de Kayzer. Ponderou, porém, que o importante foi valorizar o que os jogadores fizeram dentro dos 90 minutos e que agora o importante é melhorar para os próximos confrontos.

“E conseguimos chegar aos 3-0 e depois surgem estas duas expulsões, onde eu agarro a bola e entregar ao jogador e o jogador empurrou-me, mas faz parte do calor do jogo, depois no túnel é normal isso, também fui jogador, quando se está a perder 3-0 e com dois expulsos a cabeça fica um bocadinho quente, mas acho que temos que mais valorizar aquilo que nós fizemos ao longo dos 90 minutos, mesmo depois do 3-0 e o jogo controlado com menos dois jogadores da Fortaleza, a equipa continua a circular a bola, que tentou sempre criar oportunidades, fez o quarto golo”, completou Petit.

Com o resultado deste domingo (16), 5 a 0, o Dourado saiu do rebaixamento e estacionou em 14ª posição, com sete pontos, ultrapassando gigantes como o Fluminense, Vasco, Grêmio e Corinthians.

Foi a maior goleada na história do time desde o acesso, e Petit considerou o placar como positivo para dar uma resposta aos torcedores, que não viam o Cuiabá vencer na Arena Pantanal desde o início do brasileirão 2024.

O próximo compromisso será na quarta-feira (19), contra o São Paulo, às 19h, no Morumbi.
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

xLuck.bet - Emoção é o nosso jogo!
Sitevip Internet