Olhar Direto

Sábado, 20 de julho de 2024

Notícias | Meio Ambiente

REGIÃO DA AMAZÔNIA

Operação aplica multas acima de R$ 2 milhões por queimadas e desmatamento ilegal em fazenda

Foto: PMMT

Operação aplica multas acima de R$ 2 milhões por queimadas e desmatamento ilegal em fazenda
O Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental aplicou uma multa de R$ 2,071 milhões por crimes ambientais, no município de Santa Carmem (a 484 km de Cuiabá). A penalidade foi aplicada na segunda-feira (08), durante a Operação Flora Hotspot-2024, que visa fortalecer as ações no combate ao desmatamento ilegal na região do bioma amazônico.


Leia mais
Sema restringe uso de água na região do Pantanal diante escassez na Bacia Hidrográfica do Paraguai


Na ação, foram apreendidos dois tratores, uma caminhonete, um tanque de combustível contendo 600 litros de óleo diesel e 12 toras em madeiras medindo aproximadamente 13 metros cúbicos, em uma propriedade rural às margens da MT-422.

As equipes identificaram desmatamento, corte raso e focos de incêndio, nas proximidades da Estrada Tomazoni, em comunidade conhecida como Gleba Amarelinho. 

Os policiais militares encontraram um homem, que alegou ter sido contratado para fazer a limpeza do local. Ele apontou o proprietário da fazenda, no entanto, ninguém foi localizado.

Na área, as equipes ainda flagraram diversos maquinários, um veículo e um galão de combustível. Além disso, os policiais flagraram uma área, de quase nove hectares, com focos de queimada ativa. As atividades eram desenvolvidas sem a devida autorização dos órgãos competentes. 

Os maquinários apreendidos foram levados à prefeitura municipal. Os militares ainda aplicaram uma multa no valor de R$ 2.071 milhões pelos crimes ambientais. 

Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet