Olhar Direto

Quarta-feira, 05 de agosto de 2020

Notícias / Esportes

Alex Paraná ensina tradicional Muay Thai para 'controle do corpo e mente'

Da Redação - Priscilla Vilela

16 Out 2012 - 10:20

Uma prática espiritual, voltada para o controle do corpo e mente. Não, não estamos falando de yoga, com suas desenvolturas elásticas e calmas, mas para surpresa de muitos, do Muay Thai, arte tailandesa que já virou febre em Cuiabá. Contudo, para quem se atreve a parar de olhar os atletas, colocar as luvas e encarar os treinos, fica claro que o esporte é mais do que mirar chutes e socos em sacos de pancada, e envolve um trabalho de espírito, de autoconhecimento somente associados aos mestres das artes marciais.

O interessante da modalidade é a capacidade que ela tem de mudar um pensamento. Chega-se na academia querendo perder peso, ou qualquer item referente a estética, mas já na primeira aula percebe-se que este é o último item a se preocupar. O professor Alex Paraná, proprietário da academia que leva seu nome, explica que a arte trata de fazer com que seus seguidores coloquem no primeiro plano o espírito, mente e corpo, e tudo isso deixa o praticante mais leve não somente para balança, mas como pessoa.

Tudo muito lindo para ser escrito, mas a prática é necessária. Entra-se na academia assustado com o barulho dos golpes e o iniciante já é posto para praticar. E enquanto ele aprende a fechar o punho de forma correta, ou a aprender que o importante é fazer um golpe certo mesmo que após 100 tentativas, Alex entoa suas falas quase que em forma de mantras, ensinando não somente sobre o muay thai, mas estimulando a mente. É incrível, porque o praticante passa a focar em chutar com a perna esticada e esquece-se de contar o tempo.

É porque com o treino, aprende-se a tratar o corpo como o pior inimigo. Pesado, mas explica Paraná. “Se fosse fácil tratar do corpo todos eram atletas, e no treino desse controle é que se começa a arte marcial”, explica a reportagem.

Sejamos francos. Musculação é muito bom, mas torna-se algo maçante por se focar na repetição de movimentos que vão fazer o aluno ficar ‘sarado’. No muay thai tradicional, o ensinado por Alex, isso é diferente, e nos treinos mescla-se o aeróbico com os golpes. Faz-se flexão, abdominal, e os alunos se auxiliam. Um polichinelo, dois polichinelos e enquanto isso se ouve Alex entoar. “Quando nos comunicamos pelo espírito, não há segredos, regras e nem tempo. Tudo se move...”. De tão reflexivo, o próprio aluno já começa a se tranqüilizar.

Por toda essa reflexão, aconselha-se; quem precisa de uma atividade física para relaxar a mente e se ver livre do estresse é o ideal. Já no primeiro dia de prática sente-se a diferença. A perda de peso é conseqüência. Mas dizem por aí que há quem consiga perder dez quilos em um único mês. A mente, a, essa fica tranqüila demais, é só observar o próprio mestre, que começou a lutar dezessete anos atrás, quando seu avô o incumbiu de ser um grande lutador.

Muay Thai em Cuiabá

Na capital o único local que ensina a arte de forma pura e tradicional, aprendida na Tailândia, é na academia Alex Paraná, que está a quatro anos na capital após ter saído de Curitiba, no Paraná. Explica o professor, que resolveu se instalar por essas terras por reconhecer aqui um povo muito semelhante ao tailandês, acolhedor e humilde, um grande atrativo para ele, que chegou a visitar o país de origem da luta para melhor se ‘qualificar’.

Hoje, mais de quatrocentas pessoas reconhecem na figura de Alex o ‘grande mestre’ na arte, apesar de ele próprio explicar que no muay thai não existe graduação e apenas duas categorias: os que praticam e os que não praticam. No espaço dirigido por ele, pode-se praticar até doze horas por dia, caso o aluno tenha disposição, o horário de aula não é limitado pelo professor.

Serviço:

A Muay Thai Alex Paraná fica na Avenida Lava Pés, 64, Duque de Caxias, Cuiabá. Cep:78020-000 Cuiabá. Para maiores informações ligue no 3054-1398.

3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • eduardo
    29 Jan 2013 às 19:08

    Academia minuscula para quem quer praticar Luta! Didática deixa a desejar....

  • José de Almeida
    16 Out 2012 às 12:12

    Além de uma das mais completas atividades fisicas que fiz, encontrei no muay thai equilibrio pro meu corpo e mente...

  • marcelo medina bob
    16 Out 2012 às 10:59

    Vi em filmes na minha adolecencia, nao tinha aqui em cuiaba, desde criança pratico artes marciais, passei pelo boxe, kick boxing, tae kwondo,jiu jitsu, lutei por 12 anos....depois de 10 anos parado resolvi voltat a lutar após o muay thai tradicional se instalar em cuiabá, fui ver, comecei a treinar e logo no primeiro dia de treino me apaixonei e hoje depois de 12 meses de treino, aprendi muito que é ainda pouco pelo conhecimento infinito q traz o muay thai, é uma arte, uma cultura imcomparavel e ímpar, nunca vi igual, nao troco por nada, muito obrigado ao mestre ALEX pelos ensinamentos que venho aprendendo.

Sitevip Internet