Olhar Direto

Segunda-feira, 08 de agosto de 2022

Notícias | Cidades

luto

Bandido esfaqueia até a morte um dos maiores bailarinos da dança contemporânea de Mato Grosso

Mato Grosso perde um dos maiores profissionais da dança clássica. Pedro Paulo Gois Medina, ou simplesmente Paulo Medina

Foto: Reprodução

Bandido esfaqueia até a morte um dos maiores bailarinos da dança contemporânea de Mato Grosso
Mato Grosso perde um dos maiores profissionais da dança contemporânea. Pedro Paulo Gois Medina, ou simplesmente Paulo Medina, foi vítima de um homicídio na noite deste domingo (14), em sua residência, no bairro Boa Esperança. Ele faleceu às 07h desta segunda-feira (15), no Hospital Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá.

Morre Paulo Medina, a referência da dança contemporânea em Mato Grosso

De acordo com Luciano Conceição OIliveira, amigo e parceiro profissional do dançarino, Paulo Medina estava sozinho em casa quando foi surpreendido por bandidos. Ele teria entrado em luta corporal com um deles e foi esfaqueado.

“Eu recebi uma ligação por volta das 00h00 da vizinha dele, que teria acionado o SAMU [Serviço de Atendimento Móvel de Urgência]. Ele recebeu os primeiros atendimentos e foi encaminhado para o Pronto-Socorro de Cuiabá. Nesta manhã recebemos a informação de sua morte”, lamentou Luciano, que há 20 anos trabalhava junto com Medina.

De acordo com o Oficial de área do 1º Batalhão da Polícia Militar, não se sabe quantas pessoas estão envolvidas no crime, mas uma delas foi presa em flagrante.

Em comunicado divulgado no facebook, o presidente do sindicato dos artistas, Nestor Defletas, homenageou o artista e lamentou a perda. "Paulo Medina, agora a arte e a cultura mato-grossense estão um pouco sem um Voo Livre, Paulo voe, voe livre por onde puder sem amarras e apego e na proteção do cavaleiro de Aruanda e nos braços de Oxun, na paz de Oxalá. A justiça Xango cuida!”, escreveu.

Atualizada às 10h04.

Nestor também lembrou que Paulo Medina foi um dos poucos dançarinos de renome no Estado, que há 20 anos têm influenciado gerações. “Quando se fala em dança são poucos os profissionais e quando se fala dos que levaram a dança a sério muitos passaram por ele [Paulo Medina]”, lembrou.

Paulo Medina fundou a Cia Vôo Livre há mais de 20 anos, ele era um dos mais conceituados professores de ballet e dança contemporânea em Mato Grosso.

Atualizada às 10h40.

Rhuan Costa Neres de 18 anos foi preso em flagrante depois de ter assassinado com golpes de canivete Paulo Medina. Ele foi encaminhado para Centro de Ressocialização de Cuiabá, antigo presídio Carumbé.

Atualizada às 13h36.

Paulo Medina será velado em "Pádua Galeria de Artes" Av. Miguel Sutil, 9803, Duque de Caxias, Cuiabá, a partir das 18h 
Atualizada às 13h51.

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet
x