Olhar Direto

Domingo, 09 de maio de 2021

Notícias | Esportes

ARBITRAGEM

CBF promove mais um árbitro de Mato Grosso à categoria ‘Aspirante Fifa’

Paulo César junta-se ao árbitro mato-grossense Wagner Reway, que desde 2011 está na categoria ‘Aspirante Fifa’, apitando cerca de 25 jogos por ano nas principais competições de futebol promovidas pela CBF.

Foto: Divulgação

Paulo César Silva Faria (à direita) foi promovido no quadro de arbitragem da CBF após análise de currículo

Paulo César Silva Faria (à direita) foi promovido no quadro de arbitragem da CBF após análise de currículo

O árbitro assistente (banderinha) Paulo César Silva Faria, de 32 anos, de Mato Grosso, foi promovido pela Comissão de Arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) à categoria ‘Aspirante Fifa’. Ele é Cáceres (220 km de Cuiabá) e formado em Educação Física pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), no campus da capital.

Faria ingressou em 2008 no quadro da CBF. Desde então, atua nas quatro séries do Campeonato Brasileiro. No ano de 2012, ele concorreu ao título de “árbitro revelação” do Campeonato Brasileiro de Futebol.

Na Série “A” do brasileirão deste ano, ele foi árbitro assistente na vitória do Criciúma, por 2 a 1, sobre o Palmeiras, no dia 20 de abril, no estádio Heriberto Hulse. Em 2014 ele também ‘bandeirou’ no jogo Naviraiense (MS) e Avaí (SC), pela Copa do Brasil. Em 2013 foram sete jogos da Série “A”, quatro da “B” e um pela Copa do Brasil.

Trio de Mato Grosso apita jogo Corinthians e Chapecoense
Profissional de MT é credenciado aspirante ao quadro de árbitros Fifa

O presidente da Comissão de Arbitragem, Antônio Pereira da Silva, informou no ofício à Federação Mato-grossense de Futebol (CBF), enviado no dia 1º de maio, que a promoção ocorreu após análise do currículo do candidato.

Paulo César junta-se ao árbitro mato-grossense Wagner Reway, que desde 2011 está na categoria ‘Aspirante Fifa’, apitando cerca de 25 jogos por ano nas principais competições de futebol promovidas pela CBF.

Já para concorrer à promoção para a categoria “Fifa” e ser credenciado para apitar jogos internacionais, o Aspirante Fifa deve ter no currículo mais de 100 jogos da Série “A” do brasileirão, ser avaliado fisicamente e ter fluência no idioma oficial da federação internacional (inglês).

Comentários no Facebook

Sitevip Internet