Olhar Direto

Sábado, 16 de novembro de 2019

Notícias / Universo Jurídico

Silval consegue, na justiça, impedir jornalista de falar sobre ele

O jornalista e ex-deputado Maksuês Leite (PP), apresentador da TV Cuiabá (Rede TV), está proibido pela justiça de falar sobre o governador Silval Barbosa (PMDB) ou tecer qualquer comentário sobre...

Da Redação - Laura Petraglia

13 Mar 2012 - 10:05

O jornalista e ex-deputado Maksuês Leite (PP), apresentador da TV Cuiabá (Rede TV), está proibido pela justiça de falar sobre o governador Silval Barbosa (PMDB) ou tecer qualquer comentário sobre o chefe do Executivo, sob pena de ser multado em R$ 5 mil por dia em que descumprir a decisão judicial.

A liminar que censura o jornalista foi concedida pelo juiz de Direito da 21ª Vara da Comarca de Cuiabá , Helvio Carvalho Pereira, por entender que as palavras proferidas pelo ex-parlamentar tiveram cunho pessoal e de caráter ofensivo.

De acordo com o advogado do governador, Sebastião Monteiro, a ação civil movida por Silval é pelos crimes de calúnia, injúria e difamação, na qual requer uma indenização no valor de R$ 37.320.

A TV deverá cumprir a decisão judicial, mas informa que entrará com um recurso para tentar cassar a decisão.

18 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Durvalino Gusmão
    13 Mar 2012 às 18:47

    Muito estranho o que vem acontecendo com Mato Grosso, esse Governo é o mesmo que no poder da canetada conseguiu na Justiça paralizar e retirar o direito de greve de funcionários de vários setores. Falam em ditadura coisa do passado, mas aqui não estamos revivendo o passado, e sim vivenciando a ditadura pura, nua e crua. Não é por pouco que o povo tem perdido a confiança nos organismos da Justiça.

  • Marcelo
    13 Mar 2012 às 15:39

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Indignado
    13 Mar 2012 às 15:08

    Quem esse governador está pensando que é? ta na hora do povo dar um basta nessa palhaçada, ele acha que é dono do estado e o povo acha que ta bom, fazer o que?

  • Daniel
    13 Mar 2012 às 14:52

    Fala sério internautas, a Exma Juiza fez o certo. Esse sr. que se diz jornalista com certeza esta querendo aparecer na midia nas costa do governador. Vamos falar das eleições de 2008 para prefeito de V.G. ai sim quero ver o sr. que se diz jornalista aparecer na foto. Vamos fazer criticas construtivas e criticas para melhorar MT. Que ha falhas no governo do sr. Silval é notório, mas querer aproveitar para tirar vantagem ai é problema. Vamos ajudar MT e melhorar o nivel dos nossos governantes, Outubro de 2012 esta chegando, vamos votar com conciencia meu povo. chega de pinóquios e aproveitadores do dinheiro público, vamos ver os projetos que esses vereadores apresentaram nesses quase quatro anos de "trabalho .

  • Gato de Botas
    13 Mar 2012 às 14:49

    Em nome da Copa 2014, este governo fara a maior fara com o dinheiro publico da historia . Uma vergonha, mas ai vem a velha maxima todo povo tem o governo que merece ou nao? Meal Meal Meal

  • Maria Auxiliadora Cândida de Souza
    13 Mar 2012 às 14:31

    O cerceamento de informações é uma prática recoorente entre os caciques do pmdb. Um jornal paulistano está proíbido de falar bem ou mal de um dos filhos do sarney...qualquer semelhança não é mera coincidência! Agora se o jornalista estivesse mentindo a história seria outra. Será que o governador consegue provar que o réu mentiu em pelo menos uma frase de 3 palavras????? acho que não. Nem precisa ler jornais para ter a mesma opinião do apresentador basta precisar dos serviços públicos que são constitucionalmente garantidos aos cidadãos pelo Estado e que em MT sequer são lembrados pela administração.

  • EDSON
    13 Mar 2012 às 13:57

    ACHO ESSE JORNALISTA UMA VERGONHA PARA MATO GROSSO FAZER CRITICA E O DEVER DA MIDIA , MAS ELA TEM QUE RESPONSABILIDADE E MUITO MAIS CONSTRUTIVA E NAO MERAMENTE POLITICA ... PENSA BEM SR. JORNALISTA , O GOVERNADOR ESTA CERTA NA SUA ATITUTE ..VC JA TEVE SUA CHANCE NO LESLATIVO O QUE FOI QUE SR FES DE BOM PARA MATO GROSSO .... FICA UMA REFLESSAO

  • JCPN
    13 Mar 2012 às 13:48

    Fala sério Sr Ferreira! O que deve rolar na midia internacional é esse seu texto.........kkkkkkk

  • Marcos
    13 Mar 2012 às 11:53

    Temos nesse caso uma situação complicada. a primeira vista parece realmente um caso de censura.. mas vamos analisar com frieza... esse Maksues Leite se utiliza do programa dele apenas para detonar os políticos adversários tentando cavar suas futuras candidaturas. Acaba por ser uma luta desleal, uma vez que um tem um programa nas mãos. O certo mesmo era se um dia nosso "b"rasil se tornar um País sério fazer como na Europa, onde pessoas que possuem programas de TV não podem se candidatar a cargas públicos.. lá a lei chega inclusive a proibir que apresentadores de programas infantis façam propaganda para produtos como brinquedos, alimentos, tudo pra ñ influenciar as crianças.

  • joao antonio
    13 Mar 2012 às 11:37

    ta certinho a justiça, nao é pq esta com um programinha de tv e vai batendo nos outros, o maksues nao fala do dinheiro q ele pegou do entao deputado federal julio campos, uns dos mairores oportunista da tv, das maracutaias que na epoca ele fez na assembleia, juntamente com um assessor dele, o povo sabe sr maksues.

Sitevip Internet