Agro Olhar

Segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Notícias / Agronegócio

MAPA resolve questões de exportações de bovinos e certifica qualidade da carne brasileira no Irã

Da Redação - André Garcia Santana

12 Set 2017 - 17:30

Foto: Reprodução

MAPA resolve questões de exportações de bovinos e certifica qualidade da carne brasileira no Irã
Em missão de negócios no Irã, o secretário executivo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Eumar Novacki falou sobre a segurança do sistema de defesa sanitário agropecuário brasileiro em reunião com o órgão máximo da autoridade sanitária do país - Iran Agroveterinary Organization (IVO).  No encontro ele resolveu questões como à exportação de bovinos vivos, material genético bovino e avícola, exportação de carne bovina, além de acordos de cooperação em sanidade vegetal e animal.

Leia mais:
Mídia iraniana destaca esforços do Brasil em expandir comércio com o país; milho, carne e soja são exportados

Com 80 milhões de habitantes o Irã é um centro de negócios no golfo pérsico, de onde, os produtos do agronegócio brasileiro chegam também ao Iraque, Afeganistão,  Paquistão, Armênia, Catar, entre outros, que representam mais de 500 milhões de pessoas. O Secretário chefia delegação que conta também com empresários de vários setores do agronegócio brasileiro, com destaque para o setor de carnes, no qual o Irã tem aumentado, sobremaneira, a sua posição de grande importador; já sendo, neste momento, o principal comprador da região.

O representante do Mapa também propôs e foi aceito pelo Ministério de Agricultura Jihad do Irã, a implantação do CCA - Comitê Consultivo Agrícola, entre os dois países, em Novembro próximo, no Brasil, com a presença de delegação de governo de alto nível iraniana, acompanhada de expressiva presença empresarial.

Em contrapartida, atendeu ao convite de reunião e apresentação da pujança do Agronegócio Brasileiro, para a Iran Chamber of Commerce e Agriculture, da APIA - Animal Products Importers Association e da ICC - Iran Chamber of Cooperatives; entidades estas, responsáveis por grande parte das importações pelo Irã, dos produtos agropecuários brasileiros.

A agenda de reuniões continua ao longo da semana, com visitas ao Ministério de Indústria e Comércio, da Jihad Esteghlal, bem como evento na Embaixada do Brasil em Teerã, organizado pelo Embaixador Rodrigo Azeredo Santos e apoio do setor privado brasileiro, referente à comemoração da data nacional brasileira, com a presença confirmada de mais de 300 autoridades e empresários iranianos.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet