Olhar Conceito

Terça-feira, 16 de outubro de 2018

Notícias / Gastronomia

Gelatto italiano: entenda a diferença e apaixone-se pela iguaria

Da Redação - Isabela Mercuri

28 Ago 2014 - 09:10

Foto: Reprodução / Da Assessoria

Gelatto italiano: entenda a diferença e apaixone-se pela iguaria
Os sorvetes artesanais estão em alta no país. Além da famosa paleteria, uma iguaria que chama a atenção dos Cuiabanos é o Gelatto Italiano.

Leia mais: Mi Paleteria traz à Cuiabá picolés artesanais mexicanos e faz sucesso no primeiro dia

Sua produção é diferente dos sorvetes convencionais, já que o produto é fabricado em laboratório e sempre em pequena escala. O gelatto não tem gordura trans ou hidrogenada, e a base usada é rica em vitaminas.

O gelatto nasceu na Itália, país onde o consumo desse tipo de sorvete é corriqueiro, assim como é para nós o consumo do “cafézinho”. Nas cidades de Florença e San Gemignano existe uma gelateria a cada esquina.

Com o objetivo de unir os sabores da Itália e o costume brasileiro, a empresária Georgia Gomes lançou a “Michelangelo Gelateria”. Sua primeira loja nasceu em Nova Mutum, cidade que fica a 239 km da capital mato-grossense. Há cerca de um mês a gelateria foi inaugurada também em Cuiabá, no Shopping Pantanal.

Geórgia pretende abrir um laboratório todo de vidro para aproximar cada vez mais os clientes e incentivar a degustação da iguaria. Dentre os sabores oferecidos, estão frutas do bosque, limoncello, nutella, tiramisú, morango, amaretto e pistache, dentre outros.

A diferença entre sorvete e gelatto é muito grande, e está nos detalhes. O segredo está em fazer a mistura resfriar, sendo mexida ao mesmo tempo e com conteúdo de ar entre 25 e 40% (um sorvete tradicional tem 100% de conteúdo de ar).
A empresária Georgia é especializada na técnica e fez cursos com Frederico Samora, gelatier premiado, mestre sorveteiro e capitão da equipe brasileira de gelateria e docente da “Carpigiani Gelato University” (CGU).

Os ingredientes utilizados na produção do gelatto são sempre frescos, e estão entre eles frutas, oleoginosas e diversos outros produtos.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Redes Sociais

Sitevip Internet