Olhar Direto

Domingo, 22 de outubro de 2017

Notícias / Cidades

Servidor é preso pela PF durante operação com pornografia infantil no celular

Da Redação - Wesley Santiago

19 Mai 2017 - 10:52

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto/Ilustração

Servidor é preso pela PF durante operação com pornografia infantil no celular
A Polícia Federal (PF) prendeu, na última quinta-feira (19), durante a ‘Operação Cabrera’, um educador físico, que atua na Secretaria Municipal de Saúde de Jaciara (144 km de Cuiabá), que estava com mídias digitais em seu aparelho celular contendo pornografia infantil. Ele foi detido em flagrante. As ações aconteceram no Distrito Federal e mais 18 estados.

Leia mais:
Em MT, PF prende uma pessoa em flagrante durante operação de combate a pornografia infantil
 
Segundo o Dia a Dia do Vale, o nome do suspeito não foi divulgado pela PF. Ele, assim como os demais investigados, responderão na medida de suas participações pelos crimes de posse, compartilhamento de arquivos de pornografia infantil, com penas de 1 a 6 anos de reclusão, previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente e no Código penal Brasileiro.
 
No estado, foram pelo menos cinco mandados de busca e apreensão cumpridos, sendo um em Cuiabá. Conforme as informações da assessoria de imprensa da PF em Mato Grosso, foram cumpridos mandados de busca e apreensão em Alto Araguaia e Jaciara, sendo que neste último houve uma prisão em flagrante, por conta do que foi encontrado nas mídias digitais apreendidas durante a operação.
 
A Divisão de Comunicação Social de Brasília (DF), ainda informou que existem também dois mandados de busca e apreensão para serem cumpridos em Rondonópolis, um em Barra do Garças e um em Cuiabá.
 
A operação é contínua e acontece durante todo o ano. Ela foi deflagrada nesta quinta-feira por conta do “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”. Ela é coordenada pela Unidade de Repressão aos Crimes de Ódio e Pornografia Infantil da Polícia Federal (URCOP).
 
O nome da operação presta homenagem a Araceli Cabrera Sánchez Crespo, uma menina brasileira de 8 anos que foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada em 18 de maio de 1973, crime que até hoje permanece impune. Posteriormente, a data ficou instituída como o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”.
 
No dia 30 de março, foi cumprido um mandado de busca e apreensão na cidade de Cáceres. Dentro do que foi buscado nas mídias digitais, houve detecção de crime e a pessoa foi presa em flagrante. Em 13 de abril, foram cumpridas busca e apreensão em dois endereços de Pontal do Araguaia, sendo que também foi constatado objeto de crime.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • El Cid
    19 Mai 2017 às 15:00

    Como pode haver tanta gente idiota nesse Brasil, Deus nos livre!

Sitevip Internet