Olhar Direto

Quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Notícias / Cidades

Pai é morto e filho baleado dentro de casa por dois criminosos em Cuiabá

Da Redação - Wesley Santiago

12 Jan 2018 - 08:59

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto/Ilustração

Pai é morto e filho baleado dentro de casa por dois criminosos em Cuiabá
Um homem de 54 anos, identificado como Orlando Moraes de Arantes, foi executado dentro da própria casa, no bairro Jardim Industriário, em Cuiabá, na madrugada desta sexta-feira (12). O filho dele de 24 anos, identificado como Orlando Moraes de Arantes Junior, também foi baleado e foi socorrido para uma unidade de saúde. Testemunhas apontaram que dois criminosos foram vistos saindo do local.

Leia mais:
Homem é encontrado morto ao lado de motocicleta; polícia não descarta homicídio
 
Segundo as informações do boletim de ocorrências (BO), a polícia foi acionada via Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) para atender um chamado com disparos de arma de fogo. Quando chegaram na residência, os militares encontraram o homem de 54 anos caído no chão e já sem vida.
 
Orlando Arantes estava com marcas de disparo de arma de fogo na região do pescoço, lombar e ombro. Logo em seguida, os militares visualizaram o filho dele, Orlando Junior, deitado no sofá e com sangramento na região do tórax, onde também foi baleado.
 
A vítima não conseguiu falar, somente gesticular. Ao lado dele, os policiais encontraram uma arma de fogo (Taurus), calibre 38, com numeração inelegível, com cinco munições deflagradas. Populares disseram ter ouvido disparos e viram dois suspeitos fugindo a pé da residência da família.
 
Uma unidade do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi acionada e encaminhou a vítima para o Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC). A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foi acionada e realizou os trabalhos no local. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) para exames de necropsia.
 
Também é informado no boletim de ocorrências que a porta e o portão da residência não foram arrombados. O caso é investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • carlos
    13 Jan 2018 às 11:21

    Numeração inelegível é pra acabar. Kkkkkkkkkkkkkk

  • Nonato
    13 Jan 2018 às 04:30

    Qual o motivo?...mulé...divida...

Sitevip Internet