Olhar Direto

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

Notícias / Política BR

Riva critica intromissão de Arthur Virgílio sobre censura a jornalista

De Brasília - Vinícius Tavares

17 Nov 2009 - 16:00

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, José Riva (PP), fez duras críticas ao senador Arthur Virgílio (PSDB/AM) e disse com exclusividade à reportagem do Olhar Direto que acionará a Justiça toda vez que for caluniado pela imprensa ou por quem quer que seja.

Para o deputado, o senador Arthur Virgílio precisa conhecer melhor a realidade de Mato Grosso antes de se posicionar a respeito de um assunto que desconhece. "O senador Arthur Virgílio não conhece a história nem os fatos que estão movendo esta ação judicial. Ele está sendo usado pelo partido dele devido a interesses partidários que não lhe dizem respeito", disparou Riva.

Na última segunda-feira, Virgílio subiu à tribuna do Senado para condenar a liminar concedida pelo juiz Pedro Sakamoto ao deputado contra Adriana Vandoni. Ela e mais quatro jornalistas são acusados por José Riva de terem atingido sua honra ao relatarem em blogs os processos que os Ministérios Públicos Estadual e Federal movem contra ele.

Em sua sentença, o juiz Sakamoto diz que os réus devem se abster de "emitir opiniões pessoais" pelas quais atribuam ao deputado Riva a prática de crime, "sem que haja decisão judicial com trânsito em julgado que confirme a acusação, sob pena de multa de R$1.000".

Por decisão do juiz Luiz Bertulucci, da Vara Especializada em Ação Civil Pública e Ação Popular do Mato Grosso, Riva foi afastado das funções de ordenador de despesas e teve os direitos politicos cassados, mas obteve liminar que lhe permite concorrer na próximas eleições.

O deputado disse que a jornalista tem o direito de comentar se um parlamentar tem processos tramitando na Justiça, mas que não lhe cabe emitir opiniões enquanto essa peça processual não chegar a um veredicto final. "Essa jornalista usa o seu espaço na Internet só para criticar e cometer excessos. Ela pode fazer as matérias, desde que não denigra a imagem das pessoas", condenou. Enquanto ela criticar sem fundamento vou acioná-la na Justiça", disse Riva.

14 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • jose da silva paranhos
    30 Dez 2009 às 16:16

    É incrível o nível em que a política de Mato Grosso chegou. Riva é um sujeito cheio de processos.Processado em mais de cem ações por desvio de dinheiro público. E ainda tem gente que bota fé no malaco

  • joão Silva
    17 Nov 2009 às 18:26

    Ao invés dele tentar impedir de falarem dele, ELE que deveria dar explicações para a sociedade sobre os desvios da assembleia, descobertos na Arca de Nóe

  • Diogenes G. Gusmam
    17 Nov 2009 às 17:58

    A justificativa do injustificável não existe, apenas são enfiadas guela-à-baixo e, depois de mal ingeridas, são vomitadas com todos seus maus odores. Mas o "passarinho contou" que em breve o caminhão de processos terá um novo carregamento.

  • Malandro Agulha
    17 Nov 2009 às 17:52

    O tiro saiu pela culatra. Agora nacionalmente discute-se a idoneidade, ou melhor a falta dela, do defurtado, digo deputado José Geraldo Riva. Melhor sorte teria o Riva ter se contentando só com os blogueiros do MT falando dele, agora o Brasil inteiro fala, e muito mal por sinal.

  • PEDRO
    17 Nov 2009 às 17:41

    Que o Riva não é santo, todo mundo sabe. Mas estes blogeiros, principalmente esta adriana é muito petulante. Acha que sabe de tudo e só ela que tem razão. Resumindo: Adriana é um pé no saco e o Riva...bem o Riva é mais um político que devemos expurgar nas próximas eleições.

  • toco1000
    17 Nov 2009 às 17:36

    Em resposta a Pedro Jr. É de gente como vce,que o nosso estado não cresce,vce deve ser um aposentado que vive só por cima do muro,obedecendo ordens de coroneis de 20 mil anos AC.

  • JONAS MELO
    17 Nov 2009 às 17:35

    Senhores políticos Corruptos! Se querem ser respeitados como cidadãos,não serem xingados de ladrão,picareta,BANDIDOS DO COLARINHO BRANCO!Façam o favor de agirem com decência dentros dos parâmetros da moralidade.da Lei e dos bons costumes. Deixando de apropriar-se indevidamente do dinheiro público, deixando de figurar em dezenas ou centenas de inquéritos,deixando de serem denúnciados pelo Ministério Público Estadual/Federal/Eleitoral! Deixando de enriquecerem ilícitamente. Só depois de agirem corretamente é que vocês poderão reclamar da imprensa e dos comentários dos blogueiros. Enquanto estiverem praticando corrupção sempre haverá de levantar uma corajosa voz contra os seus atos obcenos e criminosos. Voces podem conseguir através do Poder judiciário intimidar e calar uma ou duas vozes, e até colocar alguns dos seus remunerados apaniguados e puxas-sacos para lhes aplaudirem e escreverem comentários de apoio, porém, jamais conseguirão silenciar a vozes de todos nós milhões brasileiros que estamos indignados com as suas ações delituosas! Para cada veículo de comunicação que vcs assalariarem, outros mil surgirão através da internet para denunciar seus inescrupulosos e sórdidos atos. Se vcs tem o Poder Econômico,nós temos o poder da união e da comunicação global para denunciá-los e lhes tirar preciosos votos que sustentam sua condição de representantes em cargos eletivos!

  • toco1000
    17 Nov 2009 às 17:28

    Eu falei cidadão está no desespero,atirando no escuro,quer pegar o primeiro,não sabe perder. Mas uma coisa é certa,ainda vem muita coisa por ai cidadão Riva vai cair bonito. Epero que não me vetem,todas as vzes que falo do RIVA,agora está lite

  • Roberto
    17 Nov 2009 às 17:08

    Pelo que eu saiba, Arthur Virgílio não tem nenhuma motivação política para se solidarizar aos brogueiros. O Enock pertence ao PT e a Adriana ao PDT. Se o Riva tivesse pelo menos 1% (um por cento) da dignidade e da grandeza moral de Arthur Virgílio não estaria nessa triste situação, tentando justificar o injustificável e se afundando cada vez mais.

  • Jose Padilha
    17 Nov 2009 às 16:43

    Em casas de marimbondos não se mexe. Nelas inexistem mel, principalmente quando infestadas...