Olhar Direto

Quinta-feira, 27 de fevereiro de 2020

Notícias / Política MT

Servidores da Unemat apontam ‘desmonte’ da educação e sinalizam greve

Da Redação - Lucas Bólico

25 Jan 2020 - 11:14

Foto: ADUNEMAT

Servidores da Unemat apontam ‘desmonte’ da educação e sinalizam greve
A Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT) pode parar. A comunidade acadêmica se reuniu na última quarta-feira (22) para discutir a defesa da autonomia financeira da instituição e uma greve é cogitada para enfrentar aquilo que foi apontado como “desmonte da educação pública” promovido pelo Governo de Mato Grosso.

Leia também:
Unemat tenta ser parte em ação de Mauro contra obrigação de aplicar 35% da receita em educação
 
Uma grande Assembleia Geral Extraordinária foi marcada para o dia 18 de fevereiro para avaliação da situação, além da mobilização de todos os segmentos para as audiências públicas que serão realizadas em Cáceres, Sinop, Tangará e Rondonópolis.  Segunda Assembléia Geral Extraordinária acontecerá em 04 de março. O objetivo é fazer uma nova avaliação de conjuntura para aprovar o indicativo de greve.   
 
Durante a reunião desta semana, foram debatidas estratégias de mobilização e organização conjunta. O principal objetivo da comunidade é reverter a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 6275 garantindo a continuidade da vinculação orçamentária da Unemat à receita corrente líquida do Estado.
 
Segundo a presidente da Associação dos Docentes da Unemat (ADUNEMAT), Sílvia Nunes, os segmentos da comunidade estão articulados para fazer uma luta  resistente em defesa do orçamento, das condições de trabalho e de estudo da Unemat, sem abrir mão da garantia orçamentária.
 
"A reunião foi fundamental para discutir e propor encaminhamentos, estratégias e formar comissões para um enfrentamento consistente e qualificado diante de todos os ataques que o governo Mauro Mendes vem fazendo em relação à Universidade Estadual", declarou, por meio da assessoria de imprensa.
 
Ainda de acordo com o Sindicato,  a ação direta de inconstitucionalidade da vinculação levará à UNEMAT à total falta de autonomia, tornando-se completamente refém dos interesses políticos de plantão com um desfinanciamento ainda maior. 
 
Durante a reunião foi encaminhado entre alunos, técnicos e docentes um cronograma de mobilização para os próximos meses, sobretudo, para o início do período letivo da Unemat.
 
A assessoria jurídica da Associação dos Docentes reforçou que há possibilidades de reverter a situação, uma vez que a vinculação constitucional de recursos para a UNEMAT não fere os princípios da Constituição Federal, como alega o governo. A assessoria informou ainda que, a ADUNEMAT já se habilitou como amicus curiae no processo, considerando que o representante legítimo na ação é a Assembléia Legislativa que está sendo acusada de não respeitar o processo formal na votação e emenda ao artigo constitucional 246. 

Após a reunião ampliada, a Associação dos Docentes publicou um cronograma oficial com os encaminhamentos aprovados na quarta-feira. Confira em anexo o documento oficial da reunião.

15 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Carlos (Servidor UNEMAT)
    27 Jan 2020 às 09:32

    Sou servidor da UNEMAT a muitos anos, vejo que quando aparece pessoas fazendo esse tipo de comentário que vemos aqui, fica nítido a falta de conhecimento sobre esta importantíssima instituição de ensino. Ela chega onde nenhuma outra chega, dando oportunidade para gente que possivelmente jamais teria. Realmente não está na capital, mas está no interiorzão deste estado gigantesco. Concordo que tem muita coisa pra melhorar, para oferecer ainda mais serviços de qualidade pra população, mas falta também o governo entender o que é a UNEMAT.

  • mirian
    26 Jan 2020 às 15:17

    Me formei na UNEMAT e sou muito bem sucedida. Atuo dentro do Estado promovendo sua melhoria. Esta instituição estadual vai onde outras instituição não se dispõem a ir, levando formação, conhecimento, dignidade e melhoria de vida. Ingenuamente sugerem a sua PRIVATIZAÇÃO como se isso fosse promover a desoneração de impostos. Se a privatizarem, o filho do pobre vai ter que pagar pela mensalidade e o pobre vai continuar pagando a mesma taxa de impostos... O problema não é a UNEMAT...

  • Hilda Taques de Lima
    26 Jan 2020 às 11:42

    Se o Governador Mauro Mendes, fazer um plesbecito popular se deve ou não privatizar a UNEMAT e outros orgãos ineficientes do estado como MTI, Empaer,etc, vai receber estrondosa votação pelo seu fechamento ou privatização. Aguardem...

  • Hilda Taques de Lima
    26 Jan 2020 às 11:42

    Se o Governador Mauro Mendes, fazer um plesbecito popular se deve ou não privatizar a UNEMAT e outros orgãos ineficientes do estado como MTI, Empaer,etc, vai receber estrondosa votação pelo seu fechamento ou privatização. Aguardem...

  • LEONARDO
    26 Jan 2020 às 08:58

    Esse Desgoverno esta sucateando tudo. So faz coisas que pode dar midia!!!

  • Antônio da Silva
    25 Jan 2020 às 21:06

    Professor fazer greve é pleonasmo.

  • Juliana
    25 Jan 2020 às 20:37

    Comentários de gente que não conhece o verdadeiro papel dessa universidade, que leva educação de qualidade a quem não têm acesso. E que apesar que trabalhar sem estrutura mínima, contribui pra formação de excelência!

  • Edson
    25 Jan 2020 às 16:04

    As Universidades brasileiras pouco contribuem para o desenvolvimento do país, está aí um exemplo típico.

  • Melvin Martins.
    25 Jan 2020 às 15:48

    Por mim!!! Já vai fechar tarde. Essa faculdade não tem na Capital. Não sei pra quem serve.

  • Davi
    25 Jan 2020 às 15:37

    A Unemat consome um percentual absurdo da receitado Estado. Já temos a UFMT e estamos colocando mais profissionais no mercado que ele pode absorver. Fecha logo a Unemat.

Sitevip Internet