Olhar Direto

Quinta-feira, 02 de abril de 2020

Notícias / Cidades

Professores protestam em frente à Câmara Municipal de Várzea Grande

Da Redação - Fabiana Mendes

18 Fev 2020 - 16:42

Foto: Reprodução / Sintep

Professores protestam em frente à Câmara Municipal de Várzea Grande
Os trabalhadores da Rede Municipal de Ensino realizaram um ato público, na manhã desta terça-feira (03), em frente à Câmara de Vereadores de Várzea Grande. A atividade foi convocada pelo Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Várzea Grande (Sintep/VG), em conjunto com outros sindicatos que fazem parte do Fórum Sindical dos Servidores Públicos da Prefeitura.

Leia mais:
Gisela se diz pronta para campanha, mas se não for escolhida terá humildade para recuar

Segundo o presidente do Sintep/VG, Juscelino Dias de Moura, o ato tem por objetivo marcar o protocolo do abaixo-assinado que reivindica o enquadramento na sua integralidade, baseado na Lei de Progressão de Carreira 3.797/2012, Lei 4.007/2014 e na Lei 4.093/2015 bem como a recomposição salarial para os servidores técnicos, defasados nos anos de 2016, 2017 e 2019. 

"Nós trabalhadores estamos fazendo um abaixo-assinado para cobrar das autoridades competentes que tomem as devidas providências para o cumprimento das Leis que estão sendo desrespeitadas pela Prefeitura de Várzea Grande em desfavor dos servidores", afirma o professor Juscelino Dias de Moura.

“Os servidores estão sendo prejudicados financeiramente pelo descumprimento das leis de Progressão de Carreira (enquadramento). Alguns trabalhadores estão tendo perdas salariais que variam de R$ 300,00 à R$ 2.500,00 mensais. A atual administração se comprometeu em 2015 que cumpriria com a implantação do enquadramento num prazo de 180 dias (Lei 4.093/15), mas até o momento, isso não aconteceu", completa o presidente.

"Além disso, temos os retroativos do enquadramento, que já virou uma bola de neve, sendo que existem servidores que tem direitos à receber em torno de R$ 15 mil à 250 mil reais. A categoria está ficando doente (com câncer, depressão, stress e outras doenças), estão morrendo sem conseguir usufruir dos seus direitos", relatou Juscelino.

(Com informações assessoria de imprensa)
 

6 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Bainho
    19 Fev 2020 às 08:54

    "Prefeita negar enquadramento é crime"! Fazer greves, paralisações, faltar no posto de trabalho, doutrinar crianças, não ensinar, etc também é crime!

  • Chico Bento
    19 Fev 2020 às 08:53

    Não sei onde esses professores acham tanto retroativo e tantos valores que lhe seriam de direito! Será que entre eles não tem professor de matemática?

  • Kesso
    19 Fev 2020 às 07:51

    Pode anotar, onde tem Sindicato tem sempre um presidente esperando a confirmação na conta do depósito de acordo. Tá ruim? Partiu novo emprego e deixa a vaga para quem precisa até de mixaria para viver então.

  • LONDON
    19 Fev 2020 às 00:58

    Não, já pára! ... Não trata-se de petistas, psdebistas ou qualquer partido. Os servidores da educação de Várzea Grande estão passando fome.... Me diz se dá pra VIVER com 1090,00 por mês tira o vape transporte, a alimentação, luz, água, quando não aluguel.... Acha msm q com esse salário de miséria que os CAMPOS pagam vc vive? .... Fora q não dão condições de trabalhar quer E.P.I.? Compra ou então compromete tua saúde e depois usa o salário de miséria pra comprar medicamentos.... É assim que funciona em Várzea Grande.... O MPT, tem o rabo preso com os CAMPOS por isso nunca foram lá fazer o trabalho deles.... Tirar sua servidor dá condições de escravidão contemporânea que acontece lá .

  • Observador
    18 Fev 2020 às 23:59

    Cada povo tem o governante devidamente constituído pelo voto! Vota e elege a décadas a família coronealistas.......reclamar de quê?

  • Ombundsman
    18 Fev 2020 às 17:34

    Nossa! Só isso de servidores? Esse sindicato do PT perdeu o respeito e não consegue mobilizar mais ninguém.

Sitevip Internet