Olhar Direto

Quarta-feira, 03 de junho de 2020

Notícias / Cidades

Prefeitura fecha rede de lojas de construção e denuncia seis casos suspeitos de COVID-19 na equipe

Da Redação - Isabela Mercuri

06 Abr 2020 - 15:23

Foto: Reprodução

Prefeitura fecha rede de lojas de construção e denuncia seis casos suspeitos de COVID-19 na equipe
A rede de lojas de construção ‘Comapa’, de Rondonópolis (219km de Cuiabá) foi fechada nesta segunda-feira (6) pela Secretaria Municipal de Saúde de Rondonópolis. De acordo com a Prefeitura, há seis casos suspeitos do novo coronavírus (Covid-19) entre os funcionários e familiares donos da empresa.

Leia também:
Zé do Pátio renova decreto e autoriza reabertura de todo o comércio em Rondonópolis

As lojas foram fechadas por fiscais da Vigilância Sanitária do Município, com apoio da Polícia Civil. Segundo a notificação da autoridade médica, os seis pacientes com suspeita de Covid-19 apresentam sintomas clínicos e exames de imagens compatíveis com a doença.

Após o fechamento, foram coletados materiais dos pacientes suspeitos, e encaminhados para reste. A saúde do município aguarda os resultados. Ficou determinado pela Prefeitura que as lojas da rede permaneçam fechadas por 14 dias, período da quarentena.

A Vigilância também notificou a rede para que entregue a lista com os nomes de todos os funcionários para que estes cumpram a medida de isolamento por 14 dias, bem como os seus familiares.

A Secretaria de Saúde esclarece que a medida é estritamente necessária como precaução de não transmissão do Covid-19 a outros funcionários da empresa e à população.

Quase todo o comércio na cidade de Rondonópolis foi liberado para funcionar no último dia 31 de março, depois de o prefeito Zé do Pátio ter que acionar a Polícia para denunciar as ameaças que vinha sofrendo para derrubar o Decreto 4.922, que definiu medidas restritivas de combate ao coronavírus na cidade. Pelo decreto governamental, quase todas as lojas também estão autorizadas a funcionar, desde que seguindo as formas de prevenção à doença.

7 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Revoltado
    08 Abr 2020 às 15:21

    Agnaldo, pra ser B.U.R.R.O, só faltava comentar aqui, não falta mais.

  • mario
    08 Abr 2020 às 01:21

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Cliente
    07 Abr 2020 às 00:43

    E os clientes que tiveram contato com os vendedores? Serão notificados para entrarem em quarentena?

  • Marcinho
    06 Abr 2020 às 21:31

    Cada comentários, que ajuda a fazer mais mal ainda....vote

  • Aguinaldo Barbosa dos Santos
    06 Abr 2020 às 19:47

    O que esses políticos estão fazendo nas cidades, no estado no Brasil e no mundo, qualquer criança faria que é obrigar as pessoas ficarem em casa. Isso mostra a incompetência do sistema publico que nunca se prepararam pra nada. AGORA TODO MUNDO ESTA VENDO PRA QUE SERVE A ONU(pra nada), PRA QUE SERVE ESSA OMS (pra nada), PRA QUE SERVE ESSAS IGREJAS(pra nada), PRA QUE SERVE SINDICATOS E ONGS (pra nada). Todas essas entidades são mantidas por dinheiros dos nossos impostos, não estão fazendo nada . QUE VAI INVENTAR A VACINA SÃO OS CIENTISTAS ISRAELENSES E AMERICANOS. Devemos a nossa vida a eles

  • DELCIO JANKE
    06 Abr 2020 às 18:56

    Tentaram com a Amazônia em chamas, com a Marielle, com o porteiro do condomínio, com a avó da Michele, com a moça da banquinha de açaí, com o óleo venezuelano, com os palestinos, com o Queiroz, com a Joyce, com o Mácron, com o papa, com a China, com o Intercept, com os robôs do WhatsApp, com o Maia, com a Globo, com o Alcolumbre, com o STF, com a imprensa, com os governadores do nordeste, com o Witzel, com o Doria, com o Caiado, com o Centrão, com os filhos, com o Bebiano, com os militares, com o relacionamento desgastado com os ministros, com os milicianos, etc etc etc... Ou seja, a crise atual nada tem a ver com o COVID 19 e as estratégias para combatê-lo. Eles querem é derrubar o presidente pois com ele no poder Executivo ninguém mais consegue roubar o Brasil. Entendeu ou quer que desenhe? (Autoria desconhecida)

  • Thompson
    06 Abr 2020 às 16:53

    Esse prefeito comunista não se reelege nunca mais. O que ele quer é que o comércio vá à falência para gerar o desemprego e o caos social.

Sitevip Internet