Olhar Direto

Notícias / Política MT

Deputado diz que pandemia pode gerar "genocídio" nas aldeias de Mato Grosso

Da Redação - Max Aguiar

05 Jul 2020 - 14:07

Foto: Fablício Rodrigues - ALMT

Deputado diz que pandemia pode gerar
A situação caótica em que vivem os povos indígenas de Mato Grosso, que praticamente estão desamparados do poder público no que tange a saúde, foi tema da Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia Legislativa na última semana. O deputado Dr Eugênio (PSB), que é da região do Araguaia, disse que se nada for feito, um genocídio pode acontecer. 

Leia mais:
Nove indígenas Xavante morrem com sintomas de Covid-19 em 24h

O fato veio à tona após uma reportagem do jornal El País que destacou a morte de nove indígenas da etnia Xavante dentro de 24 horas. Entre as vítimas estava um bebê. Diante da situação, o tema foi comentado na Assembleia Legislativa para alertar as autoridades e a sociedade sobre as mais mortes que pode acontecer em decorrência da pandemia do novo coronavírus caso nenhuma medida seja adotada.

“Gostaria de aproveitar a audiência que a CCJR, tem pela responsabilidade que esta comissão possui para apresentar minha preocupação com relação à comunidade indígena. Só em Barra do Garças são mais de 100 contaminados e nove óbitos da comunidade Xavante. Há risco de um genocídio ser provocado nas comunidades indígenas”, alertou Dr. Eugênio.

O deputado Lúdio Cabral (PT), que também é médico, falou sobre a vulnerabilidade dos povos indígenas por uma questão fisiológica e também cultural. De acordo com o deputado, outras doenças e viroses já dizimaram a comunidade indígena em outros tempos.

“Só para reforçar a fala do Eugênio, a mortalidade entre os Xavantes já é no mínimo duas vezes maior do que no país. Isso significa que já teríamos mais de 110 mil mortes no Brasil (se fosse aplicada a mesma proporção). Os povos indígenas por sua constituição já possuem uma vulnerabilidade maior a essas doenças”.

O líder do governo e presidente da CCJR, deputado Dilmar Dal Bosco (DEM), se prontificou de imediato a intermediar uma reunião com o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, e pediu para que Dr. Eugênio formalizasse o pedido durante a sessão plenária.

“Vamos convocar o secretário Gilberto para uma reunião para tratar exclusivamente dessa questão. Podem contar comigo, é nossa função fiscalizar e acompanhar. Há algum tempo acompanho o abandono da saúde indígena”, destacou Dilmar Dal Bosco.

7 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Zeca
    06 Jul 2020 às 13:29

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Zeca
    06 Jul 2020 às 08:05

    Olha a fora desse analfabeto funcional falar "genocídio". Genocídio é quando um governante ou um povo elabora um plano para matar milhares de pessoas de uma só vez, como aconteceu na 2.ª Guerra mundial com os judeus e em países onde foi instalada a ditadura comunista. Quando morrem diversas pessoas de uma só vez por conta de um vírus, é em função de uma "pandemia" e não genocídio. Sujeito idiota, não entende o significado da palavra, como vai entender um texto para propor, apreciar e aprovar leis?

  • Antônio
    05 Jul 2020 às 21:07

    Todos estamos expostos... Os índios dizem que COVID é doença de branco... Toca o barco..

  • Até parece
    05 Jul 2020 às 19:55

    Índios? Aqui no MT o que tem é um bando de bebedor de cachaça,que fecham rodovias e que não produzem nada!!!

  • Fernando
    05 Jul 2020 às 17:18

    Por que demoram tanto na medicação preventiva?

  • Eita
    05 Jul 2020 às 16:23

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Bolsominions adoram
    05 Jul 2020 às 16:00

    Eles querem que os índios morram mesmo para invadir de vez as terras deles.

Sitevip Internet