Olhar Direto

Quinta-feira, 13 de agosto de 2020

Notícias / Política MT

"É um governo trapalhão", diz deputada de MT apos queda de novo ministro da Educação

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

30 Jun 2020 - 17:42

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Professora da rede estadual e membro da Comissão de Educação da Câmara, a deputada Rosa Neide (PT), classificou a passagem relâmpago do também professor Carlos Alberto Decotelli no Ministério da Educação como ‘mais uma trapalhada’ do Governo de Jair Bolsonaro (sem partido). Ela também avaliou que sem o empenho do Executivo, caberá ao Congresso Nacional lutar pelo futuro da educação no país.
 
Leia também
Presidente da bancada de MT diz que Bolsonaro deve indicar ministro pacificador

 
O ex-ministro, que pediu demissão nesta terça-feira (30) e havia sido nomeado na semana passada, não conseguiu se manter no cargo após repercussão negativa de suposto plágio em sua dissertação de mestrado, além de informações falsas incluídas em seu currículo.

Para a parlamentar, a queda de mais um ministro, por, segundo ela, pela falta de ética, mostra que o Governo Federal está destruindo tudo que foi feito até hoje pela Educação.

A deputada também afirmou que não tem expectativas positivas sobre o futuro do Ministério da Educação e que caberá à Câmara e ao Senado tomarem a frente das discussões envolvendo a educação no país.
 
“Tivemos o Weintraub que saiu do país fugido e agora o presidente nomeia um novo ministro que chegou mentindo. Ele mostrou que é uma pessoa sem ética necessária para o cargo de ministro, que é uma pessoa que precisa conversar com reitores de todas universidades. Como é que vamos colocar alguém dentro do MEC que não se constituiu dentro da ética da verdade. É um governo trapalhão e quem paga o preço é a sociedade”, disse a deputada em entrevista ao Olhar Direto.
 
“Tudo que foi construído na Educação até hoje ele [Bolsonaro] está destruindo. Não tenho expectativa positiva porque o governo não depõe a favor disso. Acho que mais do que nunca, já conversei com o presidente Rodrigo Maia, e disse que a Comissão de Educação da Câmara e do Senado tem que tomar para sí, discutir a educação brasileira, discutir o orçamento e esquecer um pouco MEC, porque infelizmente não podemos contar com eles”, concluiu.
 
Antes de nomear Decotelli o presidente Bolsonaro, iniciou sua gestão com o peruano Ricardo Vélez Rodruigues, que comandou o MEC por apenas três meses. Em seguida, entrou o polêmico Abrahan Weintraub, que saiu no início deste mês.
 

57 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • DINHEIRO DO MATERIAL INDIGENA SUMIU!!
    01 Jul 2020 às 11:22

    Ja resolveu seu problema com a policia sobre o material indigena??? Antigamente só conhecíamos os ministros do PT através da PF, hj esta senhora está reclamando de trapalhadas??!! Pelo visto evoluímos mto, não estamos reclamando de sermos roubados ne, senhora???!!

  • Sem projeto
    01 Jul 2020 às 10:56

    O que tem ocorrido só demonstra que o governo não tem projeto na educação

  • MARCOS ANTONIO PEREIRA
    01 Jul 2020 às 09:49

    Seria interessante os acessores dessa deputada desse uma olhada nos comentários da matéria e tirasse suas próprias conclusões. E não vem com esse papa de robô que não dá mais certo.

  • Chirrão
    01 Jul 2020 às 09:49

    QUANTO MAIS EU REZO, MAIS ASSOMBRAÇÃO APARECE !!! PTRALHAS NUNCA MAIS !

  • ROSINO BOMFIM
    01 Jul 2020 às 09:41

    Trapalhão ??? BEM MELHOR QUE LADRÃO NÉ ?? E DISSO A SENHORA ENTENDE E CONHECE QUEM SÃO.

  • claudio José Sônego
    01 Jul 2020 às 09:36

    Mais trapalhões do que os PTralhas que colocaram a educação desse pais entre as piores do mundo não existe.Sem contar que essa facção criminosa chamada PT assaltou e quebrou o Brasil.

  • Paulo Correa
    01 Jul 2020 às 09:23

    A Senhora esqueceu que a a vossa Presidenta mentiu que tinha dois Doutorados? Vergonha é ter uma Deputada que acredita em uma ideologia de ladrões.

  • Apolo
    01 Jul 2020 às 08:58

    Trapalhão, mentiroso, miliciano, incompetente, genocida,....

  • geovane
    01 Jul 2020 às 08:52

    o que essa deputada sem moral pra falar do governo .

  • santana
    01 Jul 2020 às 08:45

    QUEM É ESSA DEPUTADA NA ORDEM DO DIA, NÃO FEZ E NÃO FAZ NADA POR MT, ME FALEM ALGUM BOM PROJETO, NADA SIMPLESMENTE TA LA COMENDO FATIA DO BOLO, PENSA NUM POLITICO ZERO A ESQUERDA É ESSA, MAS AINDA SE ELEGE O POVO É BURRO MESMO...PQP....

Sitevip Internet