Olhar Direto

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

Notícias / Política MT

Prefeitos estão receosos com baixa quantidade de vacinas; AMM recomenda toque de recolher

Da Redação - Isabela Mercuri / Do local - Max Aguiar

25 Jan 2021 - 18:00

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Prefeitos estão receosos com baixa quantidade de vacinas; AMM recomenda toque de recolher
O presidente da Associação Mato-grossense de Municípios (AMM), Neurilan Fraga (PL), afirmou que os prefeitos associados estão temerosos diante da baixa quantidade de doses de vacina contra o novo coronavírus (Covid-19) que receberam. Além disso, diante do aumento do número de casos e mortes causadas pelo novo coronavírus (Covid-19), o presidente afirmou que a AMM já fez duas notificações recomendando adoção de medidas de biossegurança, como toque de recolher.

Leia também:
Neurilan critica falta de diálogo de Mauro a respeito do BRT: ‘espero que comece a chamar as entidades’

“A grande preocupação de todos os gestores é a pequena quantidade de vacinas que receberam e previsão de quando virão as novas remessas. A gente acompanha as notícias de que faltam insumos para o Butantan produzir vacinas, a própria Fiocruz, por mais que o ministro dê entrevista dizendo que não está atrasado, mas, de fato está”, afirmou.

“Houve negacionismo por parte do presidente Jair Bolsonaro em relação a pandemia, resistência na aquisição de vacinas. Até certa discriminação a vacinas produzidas na China. Tudo isso fez com que tivéssemos um início de vacinação tardia e em quantidade muito pequena, diante das doses que precisamos”, completou o presidente.

Ainda segundo Neurilan, a recomendação da AMM é que sejam adotadas mais medidas de biossegurança, como toque de recolher, e que haja mais severidade na fiscalização e punição, para assim evitar aglomerações. “Tudo isso gerou nos gestores municipais um dilema muito grande. E ainda vem o aumento do número de casos em Mato Grosso e Brasil”, afirmou.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet