Olhar Direto

Terça-feira, 22 de junho de 2021

Notícias | Política MT

BANDEIRA DE EMANUEL

Kalil defende decisão democrática sobre VLT, mas não opina sobre plebiscito para escolha do modal

08 Fev 2021 - 15:09

Da Redação - Airton Marques / Do Local - Max Aguiar

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Kalil defende decisão democrática sobre VLT, mas não opina sobre plebiscito para escolha do modal
O prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat (MDB), preferiu não se precipitar ao apoiar ou não a proposta de realização de um plebiscito sobre qual o melhor modal para ser implantado na Região Metropolitana de Cuiabá. O referendo virou bandeira do prefeito da Capital, Emanuel Pinheiro (MDB), que seguiu a sugestão do filho, o deputado federal Emanuelzinho (PTB).

Leia também:
Emanuel diz que MDB pode ter “chapa de consenso” à presidência do diretório municipal

Se colocando como defensor do que for melhor para a população, Kalil diz que irá se reunir pessoalmente com Emanuel, para ouvir as justificativas do correligionário, mas que quanto mais democrática for a decisão, melhor para os municípios. O encontro deve ocorrer até esta terça-feira (9).

Diferente do prefeito da Capital, o várzea-grandense se coloca complacente a decisão do governador Mauro Mendes (DEM), que anunciou a troca do VLT para o BRT.

“Fui algumas vezes no governador, mas minha opinião é a mesma, sou favorável ao VLT. Porém, se o governo entender que esse novo modal atende a necessidade da região, eu sou favorável. Precisamos de uma definição, Várzea Grande não pode ficar do jeito que está. O prefeito (Emanuel) me ligou, ficou de a gente conversar e vou ouvi-lo, mas tudo que for de forma democrática e esclareça a sociedade é melhor”, disse, em conversa com a imprensa, durante reunião dos prefeitos do Consórcio do Vale do Rio Cuiabá, na tarde desta segunda (8), em Santo Antônio do Leverger (36 Km da Capital).

De acordo com Kalil, nas reuniões que teve com o governador, Mauro apresentou dados sobre a viabilidade do BRT. “O governador falou que o modal vai gerar economia. A tarifa não vai aumentar, consegue colocar em funcionamento num menor prazo; colocou várias questões que priorizam o BRT. Essa é uma discussão que ainda não tem fim”.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet