Olhar Direto

Sexta-feira, 16 de abril de 2021

Notícias / Política MT

Sem vacina

Deputado diz que Governo Federal erra na condução política da imunização dos brasileiros

Da Redação - Isabela Mercuri

07 Mar 2021 - 11:30

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Deputado diz que Governo Federal erra na condução política da imunização dos brasileiros
Com a vacinação caminhando a passos lentos, dificuldades de aquisição de imunizantes diretamente por estados e municípios e falta de doses, a campanha contra o novo coronavírus em Mato Grosso segue incerta. Para o deputado estadual Paulo Araújo (Progressistas), o principal culpado por isso é o governo federal. Segundo Araújo, “se a gente tivesse uma vacinação em massa nós não estaríamos discutindo decreto de flexibilização de horário”.

Leia também:
Após ser reinfectado, Paulo Araújo defende funcionamento de restaurantes e maior horário a supermercados

“Infelizmente vamos colocar como culpado inicial o Governo Federal, o Ministro da Saúde. Infelizmente, se a gente tivesse uma vacinação em massa nós não estaríamos aqui discutindo decreto de flexibilização de horário. Acho que o governo federal através do Ministro da Saúde erra muito na condução da política de imunização no Brasil e de não ter priorizado, não ter aceitado que a crise era uma crise mundial, e que de fato vidas iram se ceifar, e que afetaria principalmente a economia”, afirmou o deputado.

Para Paulo, o Governo Federal errou desde o início, e continua errando ao não aceitar os protocolos de aquisição de mais vacinas. “Enquanto nós não vacinarmos a nossa população nós vamos ficar discutindo o caos. Porque por um lado se trabalha flexibilização de horário, por outro lado se tem um indicador muito ruim da saúde pública e você não tem onde internar paciente, os leitos de UTI. Hoje, praticamente 100% de taxa de ocupação, isso logicamente que forçou tanto os prefeitos quanto os governadores a adotarem medidas impopulares”, lamentou.

Paulo Araújo já pegou coronavírus duas vezes. A primeira foi em março de 2020, e a segunda em fevereiro de 2021. Quando foi reinfectado, ele acabou sendo internado, mas ficou no hospital apenas um dia.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet