Olhar Direto

Terça-feira, 22 de junho de 2021

Notícias | Política MT

Rumo a 2022

Júlio avalia que DEM não pode mais perder tempo “se quiser disputar a eleição com algum sucesso”

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Júlio avalia que DEM não pode mais perder tempo “se quiser disputar a eleição com algum sucesso”
O ex-governador Julio Campos (DEM) afirmou que o Democratas não pode mais postergar a reunião e o início das buscas por pessoas para compor as chapas de deputado estadual e federal para as eleições de 2022. Ele acredita que é possível fazer isso com segurança, e é necessário se o partido quiser ir para a disputa com algum sucesso.

Leia também:
Mauro diz que pagará RGA dos servidores estaduais de 2018 até dia 28 de maio

“Não tem como postergar mais, independente do momento a reunião vai ser sete, oito pessoas no máximo, que é a executiva do partido, então não há porque, e mantém-se distanciamento. O gabinete do governador é amplo, geral e irrestrito, a sede do partido também, onde pode ser a reunião, é ampla, geral e irrestrita, o gabinete do senador Jayme Campos também é amplo, o gabinete do deputado Botelho é amplo, o gabinete do deputado Dilmar, é amplo, então não há porque postergar mais”, defendeu, na última segunda-feira (10).

Segundo o Democrata, é necessário que o partido forme uma chapa com 36 candidatos a deputados estaduais e 12 candidatos a deputados federais para alcançar um número mínimo de eleitos, e para isso seria necessário começar os trabalhos de captação.

Recentemente, os deputados estaduais Eduardo Botelho (DEM) e Dilmar Dal Bosco (DEM) e o senador Jayme Campos (DEM) criticaram o fato de o presidente estadual do partido, Fabio Garcia, ainda não ter iniciado estas tratativas. Em resposta, Fábio afirmou que havia um combinado para não fazerem reuniões durante o pico da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), mas que com a queda no número de mortes e casos o partido iria se reunir em breve.

Majoritária

Em relação à disputa pelo Governo do Estado, Julio Campos afirmou que o caminho natural é que o partido lance o governador Mauro Mendes (DEM) à reeleição, caso ele assim deseje. Para o ex-governador, Mauro acertou ao investir em áreas sociais e estas pautas podem lhe ajudar na corrida eleitoral.

“Na parte administrativa, financeira, econômica, parte de obras está indo muito bem. Agora, ele começou a ouvir os conselhos e fazer também a parte social, que até agora estava muito restrito. Agora sim ele fez o ser Família, isso aí o Jayme Campos colaborou com um pouco, vamos aguardar o Tribunal de Justiça, o Ministério Público, o Tribunal de Contas também se sensibilize a investir nesse programa junto com o governo do Estado, e aí sim eu acredito que esse trabalho da área social, um trabalho muito bom da primeira-dama Virgínia Mendes vai chegar mais no governo a sua candidatura é uma candidatura bastante forte”, argumentou.

“Não é imbatível, porque em política não tem essa palavra, mas é uma candidatura com total possibilidade de receber a maioria dos votos dos mato-grossenses, se ele assim desejar ser candidato, porque até agora ele não definiu”, finalizou o ex-governador.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet