Olhar Direto

Terça-feira, 22 de junho de 2021

Notícias | Cidades

Confusão

Preso com BMW supostamente roubada, idoso comprova pagamento e PJC investiga quem é verdadeiro dono

Foto: PMMT

Preso com BMW supostamente roubada, idoso comprova pagamento e PJC investiga quem é verdadeiro dono
A Polícia Civil instaura procedimento para investigar de quem é a posse da BMW apreendida na manhã desta sexta-feira (14), no bairro Jardim Industrial, em Cuiabá. Na ocasião, um senhor de 60 anos de idade foi encontrado dirigindo o veículo, cujo registro apontava um boletim de ocorrência de furto e roubo. Entretanto, durante a abordagem, o homem apresentou um comprovante de depósito alegando ter adquirido o carro de seu antigo proprietário, a empresa WE Locadora de Veículos Eirelli LTDA. 

Leia também:
Idoso de 60 anos é preso após ser flagrado dirigindo BMW roubada no Distrito Industrial

De acordo com a Polícia Civil, o condutor da BMW estava transitando pelo bairro Jardim Industrial, quando foi abordado pelos militares. Durante checagem, de fato, foi constatado que havia um registro de furto e roubo no sistema endereçado ao veículo.

Aos policiais, porém, o motorista apresentou um comprovante de depósito onde justificava que o automóvel lhe pertencia. Frente a situação, ele e a esposa, juntamente com seu advogado, foram interrogados pela Polícia Civil. Durante o depoimento, o motorista apresentou comprovante de depósito e cópias do boletim de ocorrência.

Aos policiais, ele afirmou que havia comprado a BMW de seu antigo proprietário, que seria representado pela empresa D Cavalcante Neto Locadora LTDA. Os militares destacam ainda que, segundo um boletim de ocorrência, no dia 22 de janeiro deste ano, o automóvel também havia sido apreendido nas mesmas circustâncias com o mesmo senhor. 

Naquela época, ao se dirigirem até a WR Locadora de Veículos Eirelli, proprietária do veículo, nenhum funcionário tinha conhecimento do furto ou do próprio automóvel em si. 

Diante da situação, após o motorista ter sido apreendido novamente, nesta sexta-feira (14), a Polícia Civil decidiu instaurar um procedimento de dilação probatória, isto é, quando um juiz concede um aumento no prazo para que sejam produzidas as provas de posse de um objeto 

Neste caso, o processo deve concluir se a BMW, de fato, pertence ao senhor que foi apreendido nesta sexta, ou a empresa WE Locadora de Veículos Eirelli LTDA.

Em face do ocorrido, o carro foi apreendido, juntamente com toda a informação trazida ao conhecimento da polícia civil, e encaminhado à Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos de Cuiabá, até que todas as medidas cabíveis sejam tomadas.
 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet