Olhar Direto

Terça-feira, 03 de agosto de 2021

Notícias | Política MT

apresentação à Câmara

Procedimentos de saúde custaram mais de R$ 21 milhões ao município de Cuiabá em 2021

Foto: Luiz Alves / Secom Cuiabá

Procedimentos de saúde custaram mais de R$ 21 milhões ao município de Cuiabá em 2021
Somando todos os grupos de procedimentos, como ações de promoção e prevenção, diagnósticos, procedimentos clínicos, órteses, próteses e materiais especiais e ações complementares, a Prefeitura de Cuiabá aplicou em saúde, somente nos primeiros quatro meses de 2021, o valor de R$ 21.832.955,49. Os dados foram apresentados pela secretária municipal de Saúde, Ozenira Félix, à Câmara de Cuiabá.
 
Leia também:
Exames de imunidade não são adequados para pessoas vacinadas contra a Covid-19, aponta infectologista

De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Cuiabá, no primeiro quadrimestre foram registrados 2.327.158 procedimentos de saúde. A produção ambulatorial da rede municipal de saúde entre janeiro e março deste ano foi de 362.798 atendimentos na atenção primária, 1.901.287 na atenção secundária, 36.422 na atenção terciária e 26.651 nas demais esferas. Quanto à produção hospitalar, no período, foi de 12.018 na atenção secundária (Unidades de Pronto Atendimento – UPAs e Policlínicas). E de 958 internações nos hospitais municipais.
 
A Secretaria ainda destacou na apresentação o trabalho da Vigilância em Saúde, especialmente da Vigilância Epidemiológica, que está à frente do combate à pandemia de Covid-19 e também da campanha de imunização contra a mesma doença. O Município de Cuiabá iniciou o processo de imunização da sua população em 20 de janeiro de 2021, em consonância com o Plano nacional de Imunização e o Plano Municipal de Imunização, sendo que o processo iniciou pelos trabalhadores da saúde que atuam na linha de frente da pandemia, em Unidades de Terapia Intensiva (UTI's), enfermarias e pronto atendimento de unidades públicas e privadas de saúde.
 
No decorrer do quadrimestre foram vacinados os grupos sequencialmente conforme o estabelecido nos planos e de acordo com o Painel de vacinação. Até a data do fechamento deste relatório, já foram aplicadas um total de 232.739 doses, sendo 169.906 primeira dose e 62.833 segunda dose. 
 
O relatório do primeiro quadrimestre do ano de 2021 (janeiro a abril) da pasta foi apresentado em atendimento à Lei complementar nº 141/2012, que determina que o gestor do Sistema Único de Saúde (SUS) apresente as informações referentes à produção, despesas, oferta de serviços na rede assistencial à saúde pública. 
 
A secretária municipal de saúde, Ozenira Félix, destacou a importância de mostrar aos órgãos fiscalizadores e à população como foram geridos todos os recursos recebidos e investidos na saúde de Cuiabá, de forma detalhada. “Temos que vir à Câmara para fazer a prestação de contas do quadrimestre e hoje estamos fazendo. Apresentamos aqui as informações quanto aos atendimentos, custos e tudo que foi investido com os recursos que recebemos”, destacou a secretária.
 
O assessor técnico da SMS, Ricardo Soares, que explanou sobre o relatório do quadrimestre, avaliou positivamente a sessão. “A secretaria fez a prestação de contas e mostrou as informações. Os vereadores fizeram os questionamentos, alguns deles foram respondidos, e outros abrirão uma nova audiência para poder esclarecer de forma mais minuciosa as dúvidas. As principais dúvidas foram sobre a questão da Covid, aplicação dos recursos, processo de vacinação, alguns aspectos da Empresa Cuiabana, que serão detalhados para que os vereadores possam ter com clareza o funcionamento da saúde em Cuiabá. Em relação à pandemia, estamos fazendo algumas ações preventivas, de conscientização da população, decretos. A parte de imunização tem avançado, melhoramos os postos de vacinação e as ações das unidades hospitalares em relação ao atendimento ao paciente”, relatou. 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet