Olhar Direto

Quinta-feira, 26 de maio de 2022

Notícias | Política MT

após decisão de Barroso

Russi é ‘voto vencido’ e diretórios estaduais do PSB aprovam federação com PT

Foto: Reprodução

Reunião aconteceu na quarta-feira em Brasília

Reunião aconteceu na quarta-feira em Brasília

O presidente do PSB em Mato Grosso, deputado estadual Max Russi, foi “voto vencido” na reunião nacional do partido, que aconteceu em Brasília na última quarta-feira (8). Dos 23 presidentes que participaram do encontro, 18 foram favoráveis, quatro apoiaram a formação da frente, mas sem o PT, e o Tocantins se manifestou contra.
Também na última quarta-feira (8), o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), validou a lei que cria as federações partidárias. Ele fixou um prazo de seis meses antes da eleição para que os partidos decidam e oficializem suas uniões. A decisão, no entanto, ainda será submetida ao conjunto da corte e julgada na próxima sessão do tribunal.

Leia também:
Russi vai a Brasília para reunião do PSB nacional e defende nome da sigla à Presidência

A criação das federações foi aprovada pelo Congresso Nacional neste ano. Ao contrário das coligações, neste modelo os partidos têm que atuar unidos nos quatro anos seguintes às eleições, tanto em nível federal quanto estadual e municipal. A intenção é dar ‘sobrevida’ a siglas pequenas.

Segundo o site nacional Metrópoles, o PSB já havia consultado a bancada federal sobre a possível união, e só um, dos 31 deputados, se manifestou contrário. Agora, deve ser convocada uma reunião do diretório nacional para formalizar a decisão nos próximos dias.

Na última terça-feira (8), Russi defendeu que o PSB tivesse um nome próprio para Presidência da República e se posicionou contrário à federação. Para Mato Grosso, Russi entende que a ‘federação’ seria ruim. Segundo ele, o PSB já tem 26 nomes já colocados na chapa de deputado estadual, principalmente vereadores do partido e outras lideranças políticas. “Nós temos 26 candidatos, está sobrando um. Se você faz a federação, vai sobrar mais 10, 12. Então eu perderia muita força no estado”, argumentou.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet