Olhar Direto

Terça-feira, 16 de agosto de 2022

Notícias | Política MT

CAMINHO LIVRE

A 100 dias da eleição, Mauro Mendes segue como único pré-candidato consolidado ao Governo de MT

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

A 100 dias da eleição, Mauro Mendes segue como único pré-candidato consolidado ao Governo de MT
Dentro de 100 dias os mato-grossenses, assim como ocorrerá em todo o País no dia 02 de outubro, irão às urnas para escolher os próximos representantes para os legislativos e executivos estaduais e federais. No Estado, até o momento, Mauro Mendes (UNIÃO) segue sozinho rumo à reeleição, sem nenhum adversário consolidado e, dentro deste cenário, com mais uma possível vitória decidida sem a necessidade de um 2º turno.

Leia mais:
Federação de esquerda não consegue chegar a acordo e se reúne novamente na sexta-feira para definir nomes

Conforme o calendário eleitoral, as candidaturas devem ser registradas até o dia 15 de agosto e a campanha oficial começa no dia seguinte. A partir disso, serão um mês e meio até o primeiro turno. As convenções terão início já no próximo mês.

Pré-candidato a reeleição, Mauro Mendes comunicou aos seus aliados que não há mais chance de recuo de sua candidatura. A possibilidade passou a ser ventilada em razão dos recentes problemas de saúde pelos quais passou a primeira-dama, Virginia Mendes.

A expectativa é que nos próximos dias o atual governador se dedique à definição de sua chapa, o que inclui a decisão sobre quem irá apoiar para o Senado.

Grupo com grande capital político em Mato Grosso, os bolsonaristas ainda ensaiam lançar um nome que para eles represente de fato a agenda defendida pelo atual presidente da República. Cogitam entre a coronel Zózima Dias (PTB) e Ana Paula Leiria (AGIR 36), “uma vez que a maioria do eleitorado bolsonarista não aceita apoiar a reeleição do governador Mauro Mendes”, afirmam.

Jair Bolsonaro (PL), no entanto, pretende colar sua imagem a de Mauro Mendes e robustecer seu palanque no Estado, o que deve enfraquecer ainda mais possíveis projetos de oposição.

De outro lado, no campo da esquerda, a federação formada pelo PT, PV e PC do B também patina na formação de sua chapa. Chegaram a lançar o nome do vice-prefeito de Cuiabá, José Roberto Stopa para concorrer com Mauro, mas entraram em rota de colisão por entender que a eventual candidatura não significaria apoio legitimo a Lula (PT).

Atualmente, a federação tem predileção pela ex-reitora da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Maria Lúcia Cavalli Neder (PC do B), mas ainda hesita na decisão. Uma segunda opção seria o professor Domingos Sávio Garcia (PT), mas esta semana ele também sinalizou recuo.

Confira abaixo as principais datas do calendário eleitoral:

20/7/2022 a 5/8/2022: convenções partidárias
15/8/2022: prazo para registro de candidaturas
16/8/2022: início das campanhas na rua e na internet
26/8/2022: início do programa eleitoral no rádio e na TV
29/9/2022: fim do programa eleitoral
1/10/2022: fim das campanhas na rua e na internet
2/10/2022: primeiro turno
3/10/2022: retomada das campanhas na rua e na internet (24 horas depois do pleito)
7/10/2022: retomada do programa eleitoral no rádio e na TV
28/10/2022: fim do programa eleitoral
29/10/2022: fim das campanhas na rua e na internet
30/10/2022: segundo turno

O calendário completo pode ser consultado no site do TSE (Tribunal Superior Eleitoral).
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet
x