Olhar Direto

Quinta-feira, 18 de agosto de 2022

Notícias | Política MT

Alex Rodrigues

Emanuel não chama Marcrean para ser secretário, mas convida suplente para ser assessor na pasta de Obras

04 Jul 2022 - 15:35

Da Redação - Isabela Mercuri / Do Local - Érika Oliveira

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Vereador Marcrean Santos

Vereador Marcrean Santos

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) nomeou Alex Rodrigues (PP), suplente do vereador Marcrean Santos (PP), como assessor executivo de políticas comunitárias na Secretaria de Obras do município, que é comandada pelo vice-prefeito José Roberto Stopa (PV). Segundo o prefeito, ele preferiu esta estratégia a nomear Marcrean como secretário e Alex assumir a cadeira de vereador.

Leia também:
Marcrean aguarda ‘convite oficial' de Emanuel para assumir secretaria e contemplar suplente

“Poderia ser uma articulação o Marcrean vir pra cá e o Alex assumir lá, mas como na gestão eu sempre zelo... nunca coloco a gestão nessas conjecturas políticas, então achei melhor, porque eu quero aproveitar o quadro do Alex. É o segundo suplente do PP, teve quase três mil votos, teve mais votos que mais de 50% dos vereadores eleitos”, argumentou o prefeito.

“É jovem, novo, sobrinho do Vanderlúcio, do nosso time, leal, companheiro, ele merece uma oportunidade, ou na Câmara, ou na gestão. Ele veio para cá, está entrando hoje na gestão e tenho certeza que ele vai fazer um grande trabalho ao lado do Stopa, e vamos continuar melhorando muito a vida das comunidades e toda política de infraestrutura da cidade através da Secretaria de Obras”, completou.

Na última semana, veio à tona na imprensa que Marcrean seria nomeado para alguma secretaria. O prefeito negou, e o vereador afirmou que havia um compromisso para que Alex assumisse.

“É um desejo dele, um desejo do partido, um desejo meu também, porque pelo que ele fez e alcançou, então nosso nome está sendo sondado através do Palácio Alencastro, do prefeito, para assumir uma pasta”, afirmou. “Surgiu a questão da Semob, foi vinculada como a Limpurb anteriormente tinha sido vinculada. Essa prerrogativa é do prefeito. Estou bastante tranquilo, estou pronto para assumir qualquer desafio para defender a sociedade cuiabana”, disse Marcrean à época.

Inelegibilidade

Na última semana, a reportagem apurou que decisão do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) que manteve cassação do mandato de 2017-2020 e perda dos direitos políticos por oito anos de Marcrean era vista como obstáculo para o convite do vereador para secretaria.

Emanuel, inclusive, afirmou que pediu um estudo jurídico para analisar se a inelegibilidade se estende também a uma possível nomeação. “Eu sou solidário a ele, pedi para fazer um estudo jurídico em cima disso, até porque eu gosto dele pelo grande vereador que ele é, o segundo mais votado do município, com pouca diferença do primeiro, foi o primeiro da nossa coligação, é um grande político, uma grande liderança comunitária, parceiro, leal, então até mandei fazer um estudo aqui e em Brasília da situação do caso dele”, afirmou o prefeito.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet
x