Olhar Direto

Domingo, 19 de maio de 2024

Notícias | Política MT

INTERVENÇÃO NACIONAL

Emanuelzinho prevê ser nomeado presidente do MDB em Cuiabá até fim do mês e garante consenso

27 Jan 2024 - 07:50

Da Redação - Airton Marques / De Brasília - Max Aguiar

Foto: Olhar Direto

Emanuelzinho prevê ser nomeado presidente do MDB em Cuiabá até fim do mês e garante consenso
Após meses de embates internos, o deputado federal Emanuelzinho deve ser definido como presidente da comissão provisória do MDB em Cuiabá até o fim de janeiro. A nomeação deve ser feita por meio da Executiva nacional, presidida pelo também deputado Baleia Rossi.


Leia também
Em audiência no STF, Mendes propõe proibição sobre 14 espécies de peixes; mais de 100 ficariam liberadas

De acordo com o deputado, que lidera ala que disputa espaço com o grupo encabeçado pela deputada estadual Janaina Riva, a comissão provisória deve ser de consenso, seguindo os interesses do presidente regional da sigla, Carlos Bezerra.

“A previsão de assumirmos a comissão provisória em breve, temos um diálogo muito tranquilo com o presidente Bezerra, tenho muito respeito com a deputada Janaina e vamos chegar a um consenso para ter uma representatividade de todos”, disse, ao Olhar Direto, minutos antes de entrar na audiência de conciliação sobre a lei do Transporte Zero, no Supremo Tribunal Federal (STF).

O embate no MDB municipal é resultado da rixa criada entre Janaina e o prefeito Emanuel Pinheiro, que por meio do aliado Francisco Faiad, comandada o partido. Com a necessidade de nova eleição, o grupo da deputada passou a defender que a legenda se afastasse da imagem conturbada do prefeito da capital.

Algumas reuniões foram realizadas e o presidente estadual chegou a negar a possibilidade de uma intervenção nacional no partido, o que de fato deve ocorrer, mesmo que com a garantia da formação de uma chapa de consenso.

De acordo com Emanuelzinho, a indefinição acaba por afastar a filiação de vereadores que pretendem ir à reeleição no partido, a exemplo de Luis Claudio, Marcrean Santos – ambos no PP - e o próprio presidente da Câmara, Chico 2000 (PL).

“Temos vários vereadores que têm o interesse de ir para o MDB, mas, devido a demora na definição do diretório, tem receio sobre como será o futuro do partido. Por isso, estão escolhendo outros partidos que estão com futuro encaminhado”, disse.

“É algo que queremos resolver muito em breve, no intuito de dar maior segurança possível aos pré-candidatos”, pontuou.

Após a definição da comissão provisória, o embate será para definir qual será a posição do MDB nas eleições de outubro. A ala pró-Emanuel defende o lançamento de um candidato próprio, para defender o legado do prefeito; já a ala de Janaina acredita que a sigla não tem nenhum nome preparado para a missão e que o caminho é apoiar o nome do presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho, que deve deixar o União Brasil.

Ainda há a possibilidade de o partido se ver obrigado a seguir composição com a federação PT, PV e PCdoB, por conta do alinhamento nacional.
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

xLuck.bet - Emoção é o nosso jogo!
Sitevip Internet