Olhar Direto

Quarta-feira, 19 de junho de 2024

Notícias | Política MT

saiu pela tangente

Mendes desconversa sobre mudança no comando da PM e diz que 'trocar A, B ou C' não resolve violência

Foto: Reprodução

Mendes desconversa sobre mudança no comando da PM e diz que 'trocar A, B ou C' não resolve violência
Apesar dos rumores dentro da classe política que debate segurança pública sobre possíveis trocas no comando do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar, o governador Mauro Mendes (UNIÃO), responsável pelos dois cargos, desconversou sobre o assunto nesta terça-feira (26). Conforme o chefe do Executivo de MT, o foco no combate à violência deve ser outro. 


Leia mais
Mauro se reúne com Pacheco para defender penas mais duras contra criminosos e pede que estado tenha autonomia


Após reunião com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), em Brasília, Mendes foi questionado pela imprensa se devido à criminalidade crescente em Mato Grosso, a saída seria trocar o comando das forças. Na resposta, Mauro saiu pela tangente. 

"O problema da violência não está em mudar A, B ou C. O problema da violência está nas leis frouxas que esse país tem. Leis burras. Leis que são defasadas para enfrentar o grave problema da violência pública de todo país", disse o governador.

Atualmente o comando da Polícia Militar de Mato Grosso está sob a patente do coronel Alexandre Mendes. Ele substituiu o deputado federal Coronel Assis (UNIÃO) em abril de 2022. 

Vários políticos do estado já demonstraram descontentamento com o trabalho de Mendes, que inclusive já foi alvo de críticas até no plenário da Assembleia Legislativa, após crimes graves em todas as regiões do estado, mortes de PMs e ataques contra militares em serviço. 

O comando do Corpo de Bombeiros está com o coronel Alessandro Borges. Ele é comandante há 7 anos e após incêndios descontrolados no Pantanal e morte de um aluno soldado durante treinamento aquático, seu cargo foi colocado sob debate. 

Por enquanto, Mauro não confirma mudanças. "Eu entendo um pouco desse problema hoje e sei que a origem e as raízes da violência, ela está principalmente alicerçada nesse campo fértil que é a ineficiência da lei brasileira para combater essa nova realidade do crime organizado", concluiu. 
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

xLuck.bet - Emoção é o nosso jogo!
Sitevip Internet