Olhar Direto

Quarta-feira, 19 de junho de 2024

Notícias | Política MT

PLANO IMPEDIDO

Sem aval do PSDB, Faissal continua no Cidadania, reforça direita e apoio a Abilio

Foto: J L Siqueira/ALMT

Sem aval do PSDB, Faissal continua no Cidadania, reforça direita e apoio a Abilio
Sem o consentimento do PSDB, o deputado estadual Faissal Calil decidiu que não vai sair do Cidadania para migrar ao PL.


Leia também
Janaina defende que escolha para 1ª Secretaria da ALMT seja decidida em consenso entre deputados


O parlamentar queria estar no partido do ex-presidente Jair Bolsonaro para atuar na coordenação da pré-candidatura do deputado federal Abilio Brunini a prefeito de Cuiabá.

No entanto, sem autorização do PSDB, partido que é federado ao Cidadania, Faissal deve atuar de forma mais tímida na campanha de Abílio até mesmo para não desobedecer às deliberações da federação, que deve ter candidatura própria na capital, encabeçada pelo deputado estadual Carlos Avallone (PSDB).

“Independentemente de estar na Cidadania ou estar acompanhando o PL ou PRTB, que é o partido que nós construímos de aliança ao nosso pré-candidato Abílio, todo mundo sabe que eu sou um parlamentar da direita e eu vou defender aquilo que eu acredito e é, por isso, que eu estou com Abílio [nas eleições de 2024]”, destacou em entrevista à imprensa.

Avallone, que preside o PSDB em Mato Grosso, e Faissal travaram uma guerra de braço no ano passado, após o deputado do Cidadania anunciar que atuaria na pré-campanha de Abílio. Na visão do tucano, não era justo o parlamentar se eleger com a força da federação e depois querer “pular do barco” e migrar para outra legenda.

Faissal comentou que vai respeitar as deliberações do partido e que vai continuar dando espaço para os suplentes da federação possam ocupar sua cadeira na Assembleia Legislativa, até 2026, quando ocorrerá a janela partidária para os deputados estaduais e federais trocarem de sigla sem correr o risco de perder o mandato.

“Não vou participar do pleito de 2024, então por que eu vou causar alguma coisa se eu posso focar as minhas energias na campanha em si, ao invés de causar tumulto querendo sair do partido?”, questionou reafirmando que 2026, em um cenário diferente, sua possível saída do Cidadania é possível de acontecer. 
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

xLuck.bet - Emoção é o nosso jogo!
Sitevip Internet