Olhar Direto

Quinta-feira, 20 de junho de 2024

Notícias | Esportes

REVANCHE CONTRA O GOIÁS E PLAYOFFS

Antes de retornar ao Brasileirão, Petit terá uma semana para ajustar o ataque e a defesa do Dourado em duas copas

Foto: AssCom Dourado

Antes de retornar ao Brasileirão, Petit terá uma semana para ajustar o ataque e a defesa do Dourado em duas copas
Com a paralisação do Brasileirão, competição que está na lanterna absoluta vivendo momento delicado, o Dourado de Petit só volta a confrontar na série A no dia 2 junho, quando recebe o Fortaleza. Enquanto isso, o português terá uma semana para preparar o time entre o triunfo diante do Deportivo Garcilaso, que garantiu vaga nos playoffs da Sul-Americana, e a revanche contra o Goiás, pela Copa do Brasil, na próxima quinta-feira (23). Ajustes ofensivos e defensivos foram ressaltados como prioridade pelo mister durante o intervalo de preparação.
 
Leia mais: 

Petit lamenta alto volume ofensivo que não se converteu em gols do Cuiabá: "merecíamos os três pontos"

Após empatar em 1 a 1 com o Garcilaso, na quarta-feira (15), Petit conversou com a imprensa e respondeu sobre a necessidade de reforçar a ala defensiva do Cuiabá. Nos três jogos à frente do time, o comandante somou 8 gols feitos, e 3 sofridos.
 
Na desclassificação da Copa Verde contra o Vila Nova, as brechas defensivas ficaram em evidência, já que o Auriverde abriu quatro de vantagem contra o adversário, mas cedeu o empate no placar agregado ao sofrer 2 gols. Nos pênaltis, perdeu a vaga da final para a esquadra de Goiânia.
 
Depois disso, empatou com o Garcilaso e se classificou aos playoffs da sula, fase que antecede o mata-mata das oitavas. O jogo terminou em 1 a 1, mas com sabor amargo de derrota, pois o Dourado finalizou 24 vezes, somente sete no gol, demonstrando a necessidade de ajustes na conclusão das jogadas.
 
Petit ponderou que entre a desclassificação da Copa Verde e o empate contra a esquadra peruana não deu tempo suficiente de aprimorar os processos de finalização, uma vez que os jogadores ainda estavam fadigados. No entanto, agora com a pausa de uma semana, o português reforçou que terá o prazo necessário para fazer os ajustes ofensivos. E os defensivos também.

O Auriverde foi vazado em dois dos três jogos comandados por Petit, inclusive perdendo a vaga na final por isso, e, diante disso, apontou que vai trabalhar em cima do sistema defensivo para ter solidez diante dos jogos mais complicados e importantes.

“Vamos trabalhar bem esses dias para a equipe entender melhor o que pretendemos e crescer, porque se não sofrermos gols, estamos muito mais próximos de ganhar com a quantidade de oportunidades que criamos. É esse aspecto e esse equilíbrio que vamos trabalhar nesses dias”, afirmou Petit.

Nesses 25 dias que terá para se preparar para o retorno do Brasileirão contra o Fortaleza, o Dourado encara o Goiás, na volta da terceira fase da Copa do Brasil e o Lanús, pela última rodada da Sul-Americana.
 
Na ida contra o Esmeraldino, foi derrotado por 1 a 0 no Serrinha, com gol de Thiago Galhardo. Agora, recebe o adversário goiano na Arena Pantanal, às 18h30 desta quinta-feira (23).
 
Seis dias depois viaja até Buenos Aires para encarar o Lanús, no dia 29, às 18h. Na ida, empate por 1 a 1 na Arena Pantanal.
 
O retorno contra o Fortaleza na Série A será no dia 2 de junho, domingo, em casa. Pelo Brasileirão o momento é complicadíssimo. O Dourado está na lanterna absoluta, ainda sem conseguir um ponto sequer, com 10 gols sofridos e nenhum marcado.
 
O momento de recuperação é urgente e, apesar de ter dois jogos a menos (contra o Criciúma e Vitória), precisa buscar pelo menos um empate para reverter o pior início da sua história no brasileiro.
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

xLuck.bet - Emoção é o nosso jogo!
Sitevip Internet