Olhar Direto

Sexta-feira, 14 de junho de 2024

Notícias | Cidades

ESCONDIDO EM MATA

Homem que matou e carbonizou corpo de rival em briga em fazenda é preso

Foto: Reprodução

Homem que matou e carbonizou corpo de rival em briga em fazenda é preso
O suspeito de ter matado e colocado fogo no corpo de Hamilton Corman da Costa, de 40 anos, durante bebedeira na zona rural de Tesouro (371 km de Cuaibá) foi preso na tarde desta quarta-feira (22). Assuerio Alves Santos foi encontrado em uma região de mata, após denúncia de vizinhos.


Leia mais
Homem é morto e tem corpo carbonizado por colega de trabalho durante bebedeira


De acordo com as informações apuradas pela reportagem, a prisão do assassino aconteceu por volta das 13h pela Polícia Civil.

O suspeito foi abordado em um estrada rural após informações repassadas por moradores da região. Ele foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Guiratinga.

Como noticiado por Olhar Direto, Hamilton foi morto com golpes de faca na noite de domingo (19). O corpo dele foi encontrado carbonizado, dentro do carro modelo Chevrolet Corsa na MT-260.

Segundo o boletim de ocorrência, a Polícia Militar recebeu a informação do óbito por volta das 21h25 e se dirigiu à rodovia. Ao checar a situação, os agentes verificaram o corpo. Foram realizadas buscas na região de mata, porém Assuerio não foi localizado, devido à mata densa e à noite escura.

Os agentes então foram à fazenda onde o crime aconteceu e, lá, testemunhas relataram que Hamilton e o Assuerio já vinham se desentendendo há algum tempo. No domingo (19), uma nova discussão entre eles aconteceu, sendo apartada por uma funcionária.

Quando tudo parecia resolvido, o suspeito sentou ao lado de Hamilton e lhe desferiu um golpe de faca, momento em que a vítima caiu no chão. Não satisfeito, o rival foi por cima e desferiu mais golpes. A vítima ainda conseguiu se levantar e correr para tentar pular a janela, porém foi agarrado e esfaqueado até a morte.

Antes de deixar o local, o suspeito ainda ameaçou testemunhas de morte, caso chamassem a Polícia, chegando a ferir uma dos populares, que teve um corte profundo nas mãos.

Ainda conforme a polícia, o criminoso levou o aparelho celular de uma das testemunhas, além de uma espingarda calibre .36 pertencente à fazenda. Horas depois, ele voltou ao local onde estava o corpo da vítima, arrastou até o carro e colocou dentro do veículo.

A equipe da Polícia Civil e da Politec foram acionadas para as providências cabíveis. O caso é investigado pela Polícia Civil.
 
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

xLuck.bet - Emoção é o nosso jogo!
Sitevip Internet