Olhar Direto

Segunda-feira, 24 de junho de 2024

Notícias | Política MT

denúncia de agressões

Mauro diz que proteção da polícia à posse de terras será feita independente de 'defensora ou padre'

30 Mai 2024 - 08:59

Da Redação - Rafael Machado/ Do local - Max Aguiar

Foto: Mayke Toscano/Secom-MT

Mauro diz que proteção da polícia à posse de terras será feita independente de 'defensora ou padre'
O governador Mauro Mendes (União) disse que apesar da investigação no Comando-Geral da Polícia Militar, sobre a abordagem feita por um policial a uma defensora pública durante desocupação de fazenda, o estado não vai tolerar invasões de terras.


Leia também
Botelho tenta convencer Avallone a desistir de candidatura e se alinhar ao seu projeto a prefeito de Cuiabá


"Nós estamos investigando para saber quem tem a razão. A polícia dá uma versão, a defensora da outra, mas fato é, aquilo era uma invasão. Invasão não será tolerada. Uma pessoa tinha a posse mansa e pacífica e alguém chegou para invadir. Não adianta a defensora ir falar, não adianta o padre, não adianta o bispo, não adianta o político, o deputado. Existe uma lei e a lei será cumprida e quem tem posse vai ter a proteção da polícia no nosso estado", enfatizou.

A Defensoria Pública-Geral de Mato Grosso pede que seja apurada a atuação de policiais durante abordagem a defensora pública, Gabriela Beck, em uma desocupação de terra realizada em uma fazenda no município de Novo Mundo.

A defensora pública-geral de Mato Grosso, Maria Luziane Ribeiro, disse que a atuação dos militares nesse caso levanta sérias questões sobre a atuação da força policial e o respeito às prerrogativas dos defensores públicos. Ela comentou que Gabriela estava no local para assegurar a integridade das famílias sem terra e de intermediar o conflito, mas, mesmo assim, foi detida e agredida.

Ela ressaltou que a prisão ocorreu sem respaldo legal e de forma truculenta e arbitrária e, por isso, fez representações ao Conselho Nacional de Direitos Humanos, ao Ministério Público de Mato Grosso e ao Comando Geral da Polícia Militar cobrando uma investigação sobre a ocorrência.

Versão da PM

Polícia Militar relata que forças de segurança de Mato Grosso impediram, na segunda-feira (27), tentativa de invasão em propriedade rural em  Novo Mundo. Segundo a PM, cerca de 100 pessoas participaram da tentativa de invasão e 13 foram presas.

Durante a ação, foram apreendidas uma espingarda calibre 20, munições deflagradas, esferas
de aço e pólvora. A PM ainda afirma que os invasores também estavam armados com facas, facões e armas artesanais, incluindo um bastão de beisebol com pregos fixados em uma das extremidades.
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

xLuck.bet - Emoção é o nosso jogo!
Sitevip Internet