Olhar Direto

Sábado, 24 de julho de 2021

Notícias | Política BR

Alckmin diz que é favorável à chapa pura do PSDB para disputar a Presidência

O secretário estadual de Desenvolvimento de São Paulo, o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB), disse nesta sexta-feira ser favorável à uma chapa pura do PSDB para disputar a Presidência da República nas eleições de 2010.

"Sou favorável à chapa pura [do PSDB]", disse Alckmin em Santos (SP), onde participa do Congresso Estadual de Prefeitos.

Questionado se a chapa pura seria entre os governadores tucanos José Serra, de São Paulo, e Aécio Neves, de Minas Gerais, Alckmin desconversou. "Isso não precisa ser decidido agora. O nosso nome de São Paulo é o Serra. Mas não precisa ser decidido agora. Pode ficar para o fim do ano", disse.

Para Alckmin, uma chapa pura não atrapalharia os planos de uma aliança entre partidos da oposição, o que incluiria o DEM e o PPS. "Isso é possível. Isso não quer dizer que não possa fazer uma aliança em torno de um programa de governo".

Serra e Aécio disputam a indicação do partido para disputar a Presidência em 2010. O PSDB ainda discute internamente se realizará prévias para escolher um candidato. Para Alckmin, as prévias ainda não foram descartadas.

"Prévias não estão descartadas. Mas se houver um bom entendimento, nem precisa", disse.

Ontem, o presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), disse que o partido vai se reunir nos próximos dias para definir o cronograma das prévias internas.

A realização sobre prévias ainda não está totalmente decidida dentro do PSDB. O grupo de Aécio é defensor das prévias. Mas o grupo de apoio de Serra defende um entendimento interno sem a necessidade de prévias. O argumento é que as prévias mostrariam as divergências internas dos tucanos.

Guerra disse que as prévias vão depender de um entendimento entre Serra e Aécio. "Dependerá [a realização das prévias] como eu disse mil vezes, 101 vezes, 500 vezes, quantas vezes for preciso, o seguinte: se Serra e Aécio se entendem, se Aécio e Serra se ajustam, se um apoia o outro, se há entendimento entre os dois, não há necessidade de prévia", afirmou ele.
Sitevip Internet