Olhar Direto

Notícias / Política MT

Oposição pede a “cabeça” de Elias Santos, mas Botelho defende nomeação

Da Redação - Lucas Bólico

01 Fev 2017 - 17:05

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Oposição pede a “cabeça” de Elias Santos, mas Botelho defende nomeação
O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado estadual Eduardo Botelho (PSB), defendeu a nomeação de Elias Santos para a Secretaria de Gestão de Pessoas do Parlamento e revelou que o cargo é uma indicação do secretário de Cidades, Wilson Santos (PSDB), em uma costura feita antes da eleição da Mesa Diretora. A escolha do irmão de Wilson gerou protestos na oposição. A deputada Janaina Riva (PMDB) defende que ele não fique no cargo.

Leia também:
Emanuel denuncia suposta coação de servidores e governador exonera irmão de Wilson
 
“Ele coagiu servidores e responde processo de improbidade pelo Tribunal Regional Eleitoral. Então nós vamos questionar isso”, afirmou a deputada. O centro da crítica de Janaina é o fato de Elias ter perdido o cargo que tinha no Governo do Estado após ser flagrado em um áudio exigindo que servidores públicos comparecessem a uma reunião em prol da candidatura a prefeito de Cuiabá de Wilson Santos.  
 
Para Botelho, Elias não pode ser julgado eternamente por um erro. “Os cargos da Assembleia eles são também divididos com os deputados e houve uma negociação antes da eleição com o deputado Wilson Santos e o cargo é dele, ele indica. Foi dado esse cargo pra ele e não tem nada contra Elias. Ele foi diretor do Detran, nunca teve um servidor lá que o acusou. Ele foi da Metamat também não teve nada real, será que é justo você julgar uma pessoa por um momento de estresse em que você fala alguma coisa?”, questionou. “Quem nunca falou uma bobagem numa hora de estresse que atire a primeira pedra”, completou.
 
Para Janaina, a nomeação de Elias para a gestão de pessoas foi uma surpresa negativa até mesmo para alguns deputados da base aliada do governo. “Isso não cabe mais dentro do parlamento, não só dentro do parlamento da Assembleia Legislativa, mas não cabe em nenhum órgão público. Ninguém suporta mais, o contribuinte não suporta mais esse coleguismo, fazer os órgãos públicos cabides de emprego, ficar abrigando aliados”, criticou.
 
Janaina promete não deixar o assunto “morrer” com a nomeação de Elias e afirma que irá levar o debate para a tribuna, assim como outros temas da relação entre Executivo e Legislativo. “Fiz esse clamor que ele [Botelho] não faça essa nomeação de Elias Santos. Eu tenho acompanhado os comentários da internet acerca dessa nomeação, acerca dessas posturas da Assembleia, como, por exemplo, duodécimo”. Para Janaina, a Al pode enxugar mais gastos para devolver recursos à sociedade. “Temos que fazer uma Assembleia mais enxuta de verdade, não só para a mídia ver”, finalizou.

O prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB), que denunciou Elias Santos durante a eleição, preferiu não opinar sobre a nomeação. “Não seria ético da minha parte interferir na escolha dos auxiliares do presidente da Assembleia Legislativa, da mesma forma que não seria ético ele opinar sobre os meu auxiliares”.  
 
Exonerado do governo
 
Elias santos foi exonerado da presidência da Companhia Mato-grossense de Mineração (Metamat) em 19 de outubro de 2016, no dia em que Emanuel Pinheiro (PMDB) trouxe a público a gravação em que o irmão de Wilson Santos aparecia coagindo os servidores a participarem de uma reunião política.

“O governador Pedro Taques convocou todos os cargos comissionados para uma reunião hoje às 20h30 no Hotel Fazenda Mato Grosso. Todos, sem exceção. Eu vou ser curto e grosso: aquele que não for será exonerado no outro dia. Eu não estou com brincadeira. Aquele que não for, será exonerado. Me desculpa falar dessa forma. Todos os cargos comissionados tem que estar hoje. Então vocês anotem meu telefone, ao chegarem no hotel me mandem uma mensagem que vou estar lá para receber vocês, ok? Era só isso que eu ia falar”, diz a gravação.

12 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • jonas
    02 Fev 2017 às 07:56

    Este presidente já começou sua administração com desgaste, isto esta sujando a AL, que vergonha.

  • Gramulhao
    02 Fev 2017 às 05:53

    Deputada Janaína pela família de onde vem, a senhora não tem moral para fazer oposições e crítica a ninguém, honre seu polpudo salário e faça projetos em favor da povo de MT, a senhora engana otarios.

  • Gramulhao
    02 Fev 2017 às 05:53

    Deputada Janaína pela família de onde vem, a senhora não tem moral para fazer oposições e crítica a ninguém, honre seu polpudo salário e faça projetos em favor da povo de MT, a senhora engana otarios.

  • Justo
    02 Fev 2017 às 05:47

    Essa deputada patricinha Janaina Riva quer aparecer o que seu fez dessa assembleia legislativa isso é o mínimo perante seus desmandos, deputada faça alguma coisa de verdade em favor do povo e chega desses seus mimimi que a senhora só tem a perder, e falando nisso como vai seu pai José Riva.

  • Justo
    02 Fev 2017 às 05:47

    Essa deputada patricinha Janaina Riva quer aparecer o que seu fez dessa assembleia legislativa isso é o mínimo perante seus desmandos, deputada faça alguma coisa de verdade em favor do povo e chega desses seus mimimi que a senhora só tem a perder, e falando nisso como vai seu pai José Riva.

  • LUCAS FIGUEIREDO
    01 Fev 2017 às 23:51

    Botelho é outro que em 2018 devemos excretar da vida publica

  • A.D.A
    01 Fev 2017 às 21:42

    Vindo da política não me assusta nem um pouco, a política brasileira é uma grande corrupção e os políticos só pensam em neles próprios e nos seus comparsas. Botelho devia essa para o Wilson. Todos eles não valem um pequi podre.

  • Pedro Cáceres
    01 Fev 2017 às 20:06

    Estamos perdidos,e quem paga essa conta somos todos nós, um cabo de de emprego gritante,eles nem tem mais vergonha na cara de esconder,já dizem abertamente que se trata das maracutaias políticas, da podridão, da políticalha que dá nojo,esses deputados só vão aprender nas urnas,mas até lá estarão podres de ricos né?

  • lucas pedro
    01 Fev 2017 às 20:02

    Como assim o cargo é o wilson!!!! afff nojo

  • Gustavo
    01 Fev 2017 às 19:54

    Esse deputado Botelho é outro que a polícia deveria investigar e prender dono de empreiteira de empresa de ônibus bandido .

Sitevip Internet