Olhar Direto

Quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Notícias / Política MT

Emanuel afirma que Cuiabá carregou Saúde do Estado nas costas e que HMC é símbolo de mudança

Da Redação - Wesley Santiago/Da Reportagem Local - Érika Oliveira

16 Jul 2019 - 16:26

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Emanuel afirma que Cuiabá carregou Saúde do Estado nas costas e que HMC é símbolo de mudança
O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), comemorou o lançamento da quarta etapa do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) Dr. Leony Palma de Carvalho, nesta terça-feira (16). O gestor aproveitou para comentar que o município carregou a Saúde do Estado nas costas e que a nova unidade é o símbolo da transformação pela qual a capital mato-grossense passou nesta área.

Leia mais:
Divulgado gabarito preliminar do seletivo do HMC com salários de até R$ 5,5 mil
 
“Precisávamos mudar este ciclo, de uma transformação de verdade. O símbolo deste novo momento é o HMC. Onde, dentro dele, funcionará o novo e moderno Pronto-Socorro da capital. Cuiabá, sempre com muito sacrifício, carregou nas costas a saúde pública do Estado”, disse Emanuel.
 
O prefeito ainda pontuou que, nos últimos dois anos e meio da sua gestão, a Saúde do Estado enveredou-se por uma crise sem precedências, praticamente desativando, diminuindo serviços ou fechando vários hospitais regionais.
 
“Isso nos sobrecarregou. Com toda dificuldade que tivemos, não deixamos de honrar a natureza do SUS (Sistema Único de Saúde) e atendemos todos que bateram a nossa porta”, explicou o prefeito.
 
Emanuel ainda lembrou que dos 40 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 20 serão desativados para reforma no antigo Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC). Sendo assim, o município continuará com 60 leitos. Quando todo o sistema estiver na nova unidade, ainda haverá a mesma quantidade de leitos, já que outros 20 ainda devem ser inaugurados.
 
A entrega da quarta etapa consiste no funcionamento de 40 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) do HMC. Já está em funcionamento no HMC: ambulatório, 180 leitos clínicos com equipamentos de última geração, farmácia satélite e o parque tecnológico de imagens, com serviços de ultrassonografia, endoscopia, colonoscopia e radiografia.
 
“Não é apenas tirar pacientes de um local e colocar no outro. É preciso estar tudo regularizado, regulamentado, existem muitos trâmites burocráticos e protocolos que precisam ser seguidos à risca para tudo funcionar perfeitamente. Todos os cuidados são fundamentais, pois estamos lidando com vidas humanas”, comentou o prefeito.
 
A exemplo das outras etapas, os pacientes atendidos serão eletivos. Ou seja, a unidade não fará nesta etapa, o atendimento chamado ‘Portas Abertas’ e só receberá pacientes exclusivamente regulados pela Central de Regulação de Cuiabá.

8 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Raphael
    17 Jul 2019 às 07:07

    Tá... Carregou nas costas.... E nos bolsos, o que o senhor carregou, afinal?! Até hoje a população não teve uma explicação, só aquela típica dos culpados de que "vai provar a inocência"...

  • Cidadão
    17 Jul 2019 às 07:06

    Em qualquer país do mundo, até nas piores repúblicas africanas e mundo afora qdo um político é filmado recebendo dinheiro a primeira coisa que se deve fazer é tirá-lo do cargo e depois investigar o que realmente aconteceu, mas na "república" do Mato Grosso não, vergonha nacional !!

  • Cidadão
    17 Jul 2019 às 07:06

    Em qualquer país do mundo, até nas piores repúblicas africanas e mundo afora qdo um político é filmado recebendo dinheiro a primeira coisa que se deve fazer é tirá-lo do cargo e depois investigar o que realmente aconteceu, mas na "república" do Mato Grosso não, vergonha nacional !!

  • Micheline
    17 Jul 2019 às 00:13

    Prefeito, quem carrega a saúde pública, são os médicos, que apesar dos baixíssimos salários, continuam atendendo a população.

  • Paulo
    16 Jul 2019 às 22:22

    Cara de Pau mesmo....vooote

  • Advogada
    16 Jul 2019 às 21:41

    Sinal de trabalho e dedicação. Esse tem trabalhado muito em Cuiabá, melhor gestão até os dias atuais. Ganhou minha atenção e meu apoio

  • CLAUDIO JOSE SONEGO
    16 Jul 2019 às 21:39

    QUANTAS INAUGURAÇÕES O DEMAGOGO AINDA FARÁ? ESSE HOSPITAL É FRUTO DO ESFORÇO DA UNIÃO, ESTADO E MUNICÍPIO.O SR.PALETÓ ESTÁ ATRIBUONDO A SI O MÉRITOS.A BEM DA VERDADE, ELE FOI O QUE MENOS ESFORÇO FEZ .

  • Victor
    16 Jul 2019 às 20:16

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

Sitevip Internet