Olhar Direto

Quarta-feira, 27 de maio de 2020

Notícias / Cidades

Polícia aguarda laudos e prorroga inquérito que investiga morte de criança atropelada por influencer

Da Redação - Fabiana Mendes

27 Set 2019 - 17:32

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Polícia aguarda laudos e prorroga inquérito que investiga morte de criança atropelada por influencer
A Delegacia de Trânsito de Rondonópolis (215 km de Cuiabá) pediu a prorrogação do inquérito que investiga o acidente envolvendo a digital influencer e esposa do ex-deputado federal Adilton Sachetti (PRB), Lidiane Campos, que culminou na morte de uma criança de três anos, no dia 11 de agosto. 

Leia mais:
Deletran aguarda laudos para finalizar inquérito de morte de criança atropelada por influencer

Segundo informações da Polícia Civil, ainda é necessário aguardar laudos periciais como, por exemplo, o do local do acidente. Além disso, foi solicitada quebra de sigilo do celular de Lidiane.

A perícia feita no local da colisão irá apontar a velocidade do carro e a dinâmica do acidente. Também é aguardado relatório da investigação quanto à análise de imagens e outros levantamentos.
 
Até o momento, testemunhas e pessoas envolvidas diretamente no acidente, como parentes e a própria acusada,  já foram ouvidas.
 
Após o atropelamento de uma moto onde estavam três pessoas, a Lidiane Campos deixou o local sem prestar socorro.  No dia 14,  ela  se apresentou  e foi liberada após ser ouvida. A defesa citou que ela estava com medo de agressões. 
 
De acordo com a delegada responsável pelo caso, Ludmila Zorzetti Vendramel, Lidiane relatou o que teria acontecido no dia do acidente, alegando não ter visualizado a motocicleta e afirmou ainda que procurou a família da vítima para prestar ajuda.
 
O caso

A criança de três anos morta no acidente foi identificada como Daniel Augusto Silva. A colisão deixou feridos ainda Dayane Palmeiras dos Santos, 35 anos, e o pai do garoto, Marcos Souza da Costa, 30 anos.
 
Conforme as informações do boletim de ocorrências, a esposa do ex-deputado seguia em uma Toyota Hilux quando chegou ao cruzamento das duas avenidas. O casal e a criança vinha em uma motocicleta, que acabou atingida pela caminhonete.
 
A suspeita, segundo testemunhas, é que a caminhonete tenha invadido a preferencial. Os ocupantes da motocicleta foram arremessadas por conta da colisão, sendo que a criança não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho do Hospital Regional de Rondonópolis.
 
O casal foi socorrido por uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A caminhonete foi abandonada pela esposa do ex-deputado atrás de um supermercado nas proximidades de onde ocorreu o atropelamento.

6 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Fernando
    29 Set 2019 às 13:05

    Eu não estava sabendo que moto agora tem espaço para criança dessa idade. Só vejo gente errada nessa história, primeiro os pais negligentes e segundo a influenciadora de mentecaptos.

  • jose
    28 Set 2019 às 07:42

    UMA TRISTEZA A CRIANÇA NAO TER RESISTIDO. AGORA, CARROS E MOTOS SE BATEM EM CRUZAMENTO O TEMPO TODO... MAS O QUE UMA CRIANÇA DE 3 ANOS FAZIA EM UMA MOTOCICLETA? ALEM DISSO NUNCA VI MOTO COM CAPACIDADE PARA 3 PESSOAS...

  • Leitor
    28 Set 2019 às 06:56

    Se fosse preta e pobre, será que estaria solta? Fica a indagação.

  • Pantanero
    27 Set 2019 às 23:40

    3 na moto???? Oxe!!!

  • nelson
    27 Set 2019 às 20:11

    é influencer é influencer

  • A SINCERA
    27 Set 2019 às 17:53

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

Sitevip Internet