Olhar Direto

Terça-feira, 07 de julho de 2020

Notícias / Cidades

Secretaria confirma mais duas mortes por coronavírus e óbitos chegam a 63 em MT

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

31 Mai 2020 - 17:21

Foto: Rogério Florentino/OD

Secretaria confirma mais duas mortes por coronavírus e óbitos chegam a 63 em MT
A secretaria de Saúde de Mato Grosso confirmou cinco mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, aumentando o número de óbitos para 63 neste domingo (31). Já a quantidade de casos confirmados subiu em 75 novos casos de ontem para hoje, chegando a 2.485.

Leia também
Marido de idosa vítima do coronavírus também morre por conta da doença


De acordo com a secretaria, os últimos cinco óbitos foram registrados nas cidades de Rondonópolis, Várzea Grande, Cuiabá, Sinop e Chapada dos Guimarães.

Mais cedo, o Olhar Direto já havia informado a morte de um idoso de 63 anos em Sinop, outra de um homem de 52 anos em Cuiabá e a de outro homem de 79 anos na cidade de Chapada dos Guimarães, todas confirmadas nas últiams horas.

As 75 novas confirmações de pessoas infectadas nas últimas 24 horas foram em Araputanga (2), Campo Novo do Parecis (2), Campo Verde (3), Confresa (5), Cuiabá (24), Jaciara (1), Juscimeira (4), Nova Mutum (1), Pontes e Lacerda (2), Porto Esperidião (2), Primavera do Leste (7), Rondonópolis (13),  Sapezal (1), Sorriso (2), Tangará da Serra (1), Várzea Grande (4) e municípios de outros Estados (1).

Dos 2.485 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 1.567 estão em isolamento domiciliar e 696 estão recuperados. Há ainda 159 pacientes hospitalizados, sendo 78 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 81 em enfermaria.

Dentre os 20 municípios com maior número de casos de Covid-19, estão: Cuiabá (747), Várzea Grande (231), Rondonópolis (204), Tangará da Serra (112), Primavera do Leste (108), Sorriso (86), Confresa (79), Lucas do Rio Verde (74), Barra do Garças (72), Sinop (54), Campo Verde (43), Rosário Oeste (42), Jaciara (38), Alta Floresta (37), Nova Mutum (32), Cáceres (31), Pontes e Lacerda (30), Peixoto de Azevedo (25), Aripuanã (25) e Sapezal (23). 

6 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Trabalhadoress livres
    01 Jun 2020 às 11:23

    O problema não sao os trabalhadores formais, pois estes estao respeitando:mascaras e álcool. E sim, nos bairros as festas acontecendo sem cuidados.

  • Trabalhadores livres
    01 Jun 2020 às 11:22

    O problema não sao os trabalhadores formais, pois estes estao respeitando:mascaras e álcool. E sim, nos bairros as festas acontecendo sem cuidados.

  • Gustavo
    01 Jun 2020 às 00:10

    Espero que os governantes de Cuiabá e do estado esTej atentos aos números de mortos, cada dia cresce mais. Em vez de tomarem atitudes de prevenção o que preferem fazer? Pensar em Abrir shopping e bares pela cidade

  • Homem do mato
    31 Mai 2020 às 22:31

    O corona vírus já está arrependido de ter vindo para MT, pois está sendo acusado de mortes que não cometeu.

  • Vicente
    31 Mai 2020 às 19:03

    Esse vírus respeita final de semana? Porque sempre nos finas de semana o aumento de caso é bem menos

  • Lu8sa Arruda
    31 Mai 2020 às 17:49

    Sem pressão empresários egoístas não cresceria coronavirus.

Sitevip Internet